Um Lead Product Manager com background técnico: PM3 Stories

Por Bruno Coutinho.

Continuando a série de entrevistas com os nossos alumni, convidamos o Victor Almaraz, que tem um background técnico e hoje atua como Lead Product Manager na Centauro, para compartilhar a sua história.

Aprender com as experiências das outras pessoas é uma das formas de se inspirar e buscar alternativas para uma transição de carreira, como é o caso de muitos Product Managers, as suas experiências no passado acabam por te moldar quem você é hoje ou será amanhã. Vamos a isso! 

Breve histórico

Trabalho há mais de 15 anos na área de Tecnologia da Informação e Produtos Digitais, tendo atuado como arquiteto de sistemas, líder técnico de desenvolvimento, Product Owner e, mais recentemente, como gerente de desenvolvimento para Produtos Digitais. No momento, atuo como Lead Product Manager, sendo responsável pela tribo de Marketplace.

Por que você quis se tornar um PM?

Sempre fui muito ligado na experiência do usuário, em entregar o melhor software possível para resolver os problemas dos clientes e, mesmo trabalhando dentro da área de TI, sempre busquei entender a fundo o business da empresa. Encontrei na área de Produtos uma forma de poder contribuir com tudo isso que é tão valioso para mim no dia-a-dia e estar ainda mais próximo do cliente e de encontrar maneiras melhores de descobrir as dores do cliente e fornecer ferramentas para ele.  

Antes de entrar na área de Produto, você chegou a se questionar se tinha o background certo?

A síndrome do impostor sempre ataca em algum momento, e também cheguei a questionar em alguns momentos se seria possível eu me desvincular do viés técnico, já que fui arquiteto de software.  

Logo nos primeiros dias já na área de produtos (como PO), quais foram seus principais desafios e como deu a volta por cima?

Deixar de colocar a mão ou até mesmo dar palpites nas soluções técnicas, pelo meu background, foi o que mais precisei policiar. Hoje, dificilmente entro em discussões sobre solução técnica, pois tenho total confiança em meu Tech Lead e procuro exercer o raciocínio de que cada escolha é uma renúncia. Logo, se eu estiver gastando meu tempo definindo detalhes técnicos, estarei deixando alguma das minhas funções de Produto de lado.  

Por que escolheu a PM3 e o que mudou depois do curso? 

"Escolhi a PM3 porque o curso muito bem recomendado. Ouvi indicações de diversas pessoas em diferentes contextos, e para mim seria bastante interessante um treinamento à distância naquele momento."
O que mais mudou foi o entendimento em profundidade de alguns conceitos e, com os exemplos práticos passados durante o curso, tudo ficou muito mais claro no dia-a-dia. 

Algum conselho para quem aspira entrar na área e se tornar PM?

Meu primeiro conselho é deixar isso claro para sua liderança. Fazendo isso e com bastante paciência, fiz a transição na mesma empresa em que já trabalhava. Comecei a me preparar para a transição em 2017 quando era Product Owner num contexto bastante técnico, respondendo para o gerente de TI e, 2 anos depois, já estava liderando uma tribo de produtos. Quando a oportunidade surgiu, foi natural pensarem em mim e me oferecerem a vaga. 
 
Muito estudo e leitura! Além do curso da PM3, que foi essencial, li vários dos livros indicados pelos instrutores, e isso foi muito bom em minha evolução. Participar de eventos, como o Product Camp e Meetups também pode ser muito bom, pois há várias empresas procurando talentos para a área de Produtos. 
Ver todos os conteúdos do blog

Torne-se um(a) Product Manager completo(a)!

Aprenda com os melhores profissionais do mercado neste curso totalmente online com mais de 40 horas de conteúdo. 24/7, aonde e quando quiser!

QUERO
Close