Quem faz parte de um time de Produto?

Por Bruno Coutinho.

Neste texto vamos mostrar quem é quem dentro de um time de produto e como cada um pode ajudar a ligar os objetivos do negócio à visão do produto e assim desenvolverem soluções incríveis para os seus usuários. 

Product Manager

Se você chegou neste texto, este deve ser você no time.

Product Manager é o responsável por ser o guardião da visão do produto, garantindo que todos os envolvidos estejam na mesma página - e aqui estes envolvidos podem ser tanto o time em si, como também stakeholders, parceiros, board e o CEO.

O PM vai passar boa parte da sua semana alinhando com stakeholders, membros do board, liderança das outras áreas, discutindo oportunidades com o time e claro, priorizando o que será desenvolvido ao longo das sprints, para gerar valor para o usuário e consequentemente para a empresa. Outra responsabilidade muito importante do PM é estar em constante contato com seus usuários, seja participando de entrevistas e trabalhando em todo o processo de discovery ou mesmo fazendo análises de dados para entender o comportamento do usuário no produto e encontrando oportunidades de melhoria a partir disso.  

Project Manager (Não é um product manager!)

Um Project Manager, ou Gerente de Projeto (GP), é aquele que mete o cronograma debaixo do braço e vai ajudar a manter o projeto dentro do cronograma, removendo quaisquer impedimentos que estejam impossibilitando os times de avançar.

Como Product Manager, você trabalhará principalmente com o GP em projetos grandes, de escopo fechado, que envolvem mais de um time e diferentes fornecedores. O seu trabalho envolverá comunicar os avanços do seu time versus o cronograma acordado, trabalhando em conjunto com o Agilista/ ScrumMaster/ Gerente de Engenharia/ Líder Técnico para que o time atenda os prazos estabelecidos. O PM pode ajudar muito nesse momento cortando escopo e repriorizando o trabalho conforme o projeto for avançando. 

Em muitas empresas - geralmente as digitais - o Product Manager executa parte do papel de um Project Manager, o que acaba eliminando a necessidade de ter alguém dedicado a ser um Gerente de Projeto. Mas é muito importante lembrar que em projetos de escopo aberto o PM deve estar mais preocupado em gerar valor para o cliente do que com a entrega das features via cronogramas detalhados. 

Desenvolvedor(a)

Devs ou Engenheiros de Software são responsáveis pelo “como”. Os desenvolvedores transformam as ideias geradas em recursos reais. Se os produtos fossem prédios, eles seriam os construtores. 

Manter um canal de comunicação fluído com os engenheiros é algo chave para o sucesso de muitos produtos, principalmente quando os PMs fazem a ponte entre devs e o cliente final, ajudando assim os engenheiros a terem um entendimento real das dores dos clientes e assim proporem soluções realistas de serem desenvolvidas.

Ter engenheiros envolvidos em processos de Discovery é imprescindível, pois eles podem sugerir formas mais simples e eficientes de se resolver os problemas que os usuários estejam enfrentando.

Engenheiro(a) de Qualidade

O famoso QA, ou Engenheiro de Controle de Qualidade são aqueles que vão testar o código feito pelos desenvolvedores, assim como a usabilidade do produto, garantindo que ele se comporte da maneira como foi projetado pelo Product Manager.

Eles trabalham com Gerentes de Produto para entender o que testar. Às vezes, a importância dos Engenheiros de Controle de Qualidade pode ser negligenciada, mas como eles são os responsáveis ​​por maximizar o desempenho do produto final, eles são um ativo valioso para qualquer equipe de produtos. Atualmente o QA tem um papel muito importante que é no auxilio de desenvolvimento de testes automatizados e de integração que facilitam muito a manutenção do produto. Você como PM pode (e deve) priorizar a parte de automação pois ganhará muito tempo do time (e do próprio PM) no longo prazo quando boa parte do processo de regressão (ou bug-hunting) for feito de forma automática. 

UX/UI Designer ou Product Designer

Os Designers ou PDs vão ser responsáveis por 5 etapas no processo de desenvolvimento de produto, que são: Compreensão, Ideação, Definição, Prototipação e Validação. 

Nestas etapas eles vão fazer de tudo um pouco, a começar pelo processo de Discovery para entender as dores do usuário, além de fazer um benchmark da concorrência; depois na Ideação, o PD vai criar algumas hipóteses para resolver estas dores; na Definição, o PD vai selecionar estas melhores ideias e mover para um uso um pouco mais dinâmico e prático que é a Prototipação, quando o PD vai dar um pouco mais de vida a como vai resolver este problema e assim colher muito feedback de usuários testes. Depois disso acontece, a Validação destas ideias que são selecionadas para desenvolvimento junto ao time de engenharia. É fundamental que o PM participe desse processo de definição da solução para ajudá-lo no corte do MVP/MVF, evitando desperdícios e reduzindo o tempo necessário para a geração de valor para os usuários.

Os designers devem garantir que o produto seja fácil de navegar, simples de entender e agradável aos olhos. O designer de UX tem um papel técnico, cuidando do processo de Discovery, do wireframe, da prototipagem e chegando ao alta fidelidade do que vai ser utilizado pelo usuário. 

O conhecimento do cliente será o principal ponto de discussão entre o UX/UI Designer e o Product Manager. De qualquer maneira é importante ressaltar que todas essas tarefas que o UX Designer faz devem estar sempre bem alinhadas com o Product Manager e, em muitos casos, realizá-las em conjunto como pares.

Product Marketing Manager 

Se há alguém que conhece o cliente tão profundamente quando um Product Manager, este é o Product Marketing Manager.

PMMs vão olhar pro preço, promoção, praça e entender se a estratégia está alinhada com o produto. Muitas vezes a frente dos testes A/B que são desenvolvidos, assim como campanhas de go-to-market de seja uma nova funcionalidade ou novidade sobre o produto, um PMM vai orquestrar que tanto os times internos como externos saibam sobre as últimas novidades sobre o produto.

PMM vai ajudar na estratégia de aquisição dos clientes, assim como contar uma história consistente no processo de onboarding, através de técnicas de marketing e comportamento do usuário.

E no final das contas, do que é feito um time de produto acima da média?

Empatia: Antes de mais nada, todos dentro do time devem ter tanto empatia entre si como também com o usuário. Entenderem de verdade as dores que os usuários estão enfrentando e encontrar as melhores soluções para tal é o que vai fazer com que os times sejam bem sucedidos.

Confiança: Um time coeso confia um no outro. PMs devem confiar tanto em seus Product Designers quanto nos Devs para criar as melhores soluções, assim como Devs devem respeitar a estratégia que vai ser abordada pelo PMM na hora de lançar ao mercado. É óbvio que boas discussões devem ser geradas, mas é imprescindível que o time saiba que cada um que está ali é um especialista na sua área, respeitando suas expertises mas sem criar silos. A colaboração é muito importante no dia a dia para que um time de produto tenha sucesso.

Poder de execução: Quando o time performa bem você percebe de longe, quando todos estão muito entrosados e focados em entregar no maior nível de qualidade, para evitar retrabalhos e atrasos desnecessários. Por isso, encontrar um framework de trabalho como OKRs, pode ajudar o time a focar bem na entrega.

Discovery: Segundo uma pesquisa da revista CB Insights, 42% foi o número que veio pro levantamento do porquê as startups falham, o motivo:  a empresa não atendia uma necessidade de mercado. Não ter um processo de Product Discovery bem feito é o que vai fazer também o seu time falhar.

Esta última chega a ser assustadora, por isso desenvolvemos o nosso curso de Product Discovery, no qual reunimos grandes nomes do mercado, de empresas como Booking.com, Nubank, Magnetis, Tapps Games e outras, para te mostrar quais buracos não cair, antes de sair desenvolvendo produtos que ninguém quer.


Mais conteúdos para te ajudar a ser um(a) PM melhor:

 

Ver todos os conteúdos do blog

Torne-se um(a) Product Manager completo(a)!

Aprenda com os melhores profissionais do mercado neste curso totalmente online com mais de 40 horas de conteúdo. 24/7, aonde e quando quiser!

QUERO
Close