O que é "CPL – Custo por Lead"

MétricasProduct Growth

Definição e origem do termo 

CPL é a sigla para Custo por Lead e, como o termo sugere, é uma métrica que indica quanto uma empresa gasta para conquistar um lead (cliente em potencial) para o negócio. Esse custo costuma ser calculado com base no valor gasto pelas empresas em campanhas de marketing.

Além disso, considerando o funil de Growth, o CPL pode ser uma métrica pirata de aquisição.

Como usar o termo "CPL – Custo por Lead" na prática

Calculando o CPL

O CPL se baseia em um cálculo simples, que considera o valor gasto nas estratégias de aquisição de leads e no número de leads gerados a partir dessas estratégias em um determinado período de tempo. A fórmula para calcular essa métrica é a seguinte:

CPL = Valor investido na geração de leads/ número de leads adquiridos no período

Assim, supondo que você tenha gastado R$ 4.500 em suas campanhas e elas tenham trazido 90 leads para o negócio, o cálculo do CPL fica assim:

CPL = R$ 4.500/90 = R$ 50

Isso significa que cada lead custa R$ 50.

Com base no resultado, você pode definir estratégias para diminuir o custo por lead da empresa e, assim, melhorar a lucratividade do negócio.

Além disso, para fazer esse cálculo, é importante que você defina o que é um lead (alguém que faz um cadastro, que clica em um link, que acessa uma página?) ou, se a empresa já tem essa diretriz definida, siga a recomendação estabelecida. Afinal, é a partir dessa definição que os resultados das campanhas serão considerados. 

Dicas para diminui o CPL

Se, depois de calcular o CPL, você identificou que o valor está muito alto, a ideia é trabalhar para diminuir esse resultado. Mesmo que você esteja investindo em mídia paga, a ideia é que o custo seja menor do que o valor retornado para a empresa a partir das campanhas. 

Algumas dicas para diminuir o CPL são:

  • Identificar e refinar os melhores canais de aquisição para o seu negócio ou produto e concentrar as estratégias nessas frentes;
  • Reavaliar as mensagens vinculadas nas suas campanhas para identificar o que pode não estar funcionando;
  • Fazer testes nos criativos (formatos e imagens diferentes);
  • Refinar sua proposta de valor e testar novas mensagens nos anúncios;
  • Analisar o perfil dos leads gerados e fazer Discovery dos usuários para entender melhor o tipo de lead que se interessa pelas suas campanhas.

Para diminuir o CPL, é importante que você conheça bem o seu público-alvo, já que as campanhas de mídia paga serão direcionadas para ele. 

Quando mais alinhadas elas estiverem com o seu público, maiores as chances das pessoas aderirem às suas campanhas e se tornarem leads. Quanto mais leads entrarem no seu negócio, menor será o CPL (considerando um mesmo valor investido).

CPL nos cursos da PM3 

Para se aprofundar no tema, temos um módulo inteiro sobre Aquisição no Curso de Product Growth. Logo na primeira aula do curso, a instrutora Tahiana D’gmont já traz diversos canais para voc6e testar e assim otimizar o CPL das suas iniciativas.

cpl - custo por lead

Conteúdos sobre o tema

Confira alguns conteúdos gratuitos para aprender mais sobre CPL:

Você tem vontade de elevar a barra em produto no Brasil?

A PM3, contando com a ajuda da comunidade, está construindo o primeiro Glossário de Produto do Brasil e você pode fazer parte disso!

Ficou com vontade de ajudar também?

Clique aqui e registre sua colaboração. Ah, nós sempre damos os devidos créditos às pessoas. 😉