O que é Power BI: tudo sobre o software de análise de dados
Equipe de conteúdo - PM3

Equipe de conteúdo – PM3

18 minutos de leitura

Panorama do Mercado de Produto

Aqui neste artigo você vai entender melhor o que é Power BI, o software de Business Intelligence (BI) da Microsoft. A ferramenta é amplamente usada na área de negócios para análise e visualização de dados, além de ser uma aliada muito popular dos profissionais de BI.

O software da Microsoft oferece diversos recursos, funcionalidades e componentes que auxiliam na análise de dados e na extração de insights valiosos para a tomada de decisão de uma empresa.

Acompanhe a leitura e conheça tudo sobre o Power BI da Microsoft e como essa ferramenta pode ajudar a impulsionar as estratégias data-driven do seu negócio!

O que é Power BI e para que serve?

Fonte: Microsoft

O Power BI é uma ferramenta de Business Intelligence (BI) desenvolvida pela Microsoft, que tem como função reunir grandes quantidades de dados de várias fontes e organizá-los em relatórios visualmente agradáveis, intuitivos, interativos e de fácil compreensão. 

Já se sabe que a cultura data-driven, ou seja, de empresas que orientam suas estratégias de negócio em dados reais, tem se tornado cada vez mais relevantes para as organizações.

Para auxiliar a implementação desse tipo de iniciativa em um negócio, os processos de BI são indispensáveis e já fazem parte das operações de muitas empresas.

Atualmente, existem muitas ferramentas de Business Intelligence no mercado, uma delas é o Microsoft Power BI. 

A plataforma opera como um conjunto de serviços de software com vários componentes que se integram para organizar fontes de dados e transformá-las em relatórios e gráficos com informações úteis e visualmente atraentes.

O Microsoft Power BI é utilizado por profissionais de dados, como analistas ou cientistas de dados, que poderão simplificar grandes quantidades de dados, extraindo insights valiosos que ajudarão na tomada de decisões de uma empresa.

Assim, o Power BI, auxilia não só no processo de análise de dados, como também nas decisões de negócio.

História do Power BI

A história do Power BI tem uma relação direta com outra ferramenta amplamente utilizada da Microsoft, o Excel. O Microsoft Excel sempre foi usado para reunir dados e analisá-los de uma maneira estruturada e eficiente. 

Contudo, mudanças foram ocorrendo ao longo dos anos, fazendo com que a Microsoft entendesse que os recursos do Excel eram limitados no que diz respeito à análise de dados, de negócios e de Business Intelligence.

Para resolver essa demanda, a Microsoft desenvolveu outros recursos como o Power Pivot e o Power View, que eram integrações do Excel, focadas em análise de grandes quantidades de dados e geração de relatórios e gráficos interativos.

Assim, a criação do Power BI foi resultado da evolução gradativa de várias ferramentas da Microsoft, que gerou uma solução completa para essas necessidades. 

Hoje o software, ou melhor, o conjunto de softwares e aplicativos, oferece:

  • Uma versão desktop com diversas soluções envolvendo a análise de dados, como limpeza, modelagem e visualização de dados;
  • Um serviço em nuvem (SaaS);
  • Um aplicativo mobile para aparelhos Windows, iOS e Android.

O Power BI foi lançado oficialmente em 2015. Hoje, a ferramenta é uma das mais utilizadas na área de Business Intelligence e Data Analytics e continua sendo uma solução completa para negócios baseados em dados.

Quem usa a ferramenta de BI da Microsoft?

O Power BI é uma ferramenta fácil de usar e que tem como objetivo simplificar e tornar intuitivo e interativo o processo de análise e visualização de dados.

Assim, essa plataforma de BI pode ser usada por qualquer time, profissional ou indivíduo que deseja gerar, consumir ou colaborar em relatórios e dashboards de dados de maneira simplificada e valiosa. 

Alguns dos perfis de usuários mais comuns que a utilizam são os analistas e cientistas de dados, analistas de BI, stakeholders (partes interessadas em consumir os conteúdos gerados, como gestores e administradores), etc.

Entretanto, diversos setores dentro de uma empresa podem se beneficiar da ferramenta para obter informações úteis que ajudem seus segmentos.

Desse modo, qualquer empresa ou equipe que precise criar relatórios de dados intuitivos e informativos e utilizá-los para tomar decisões de negócios, podem aproveitar as vantagens e recursos do Power BI.

Vantagens do Microsoft Power BI

O Microsoft Power BI é uma ferramenta muito popular tanto na análise de dados, quanto na área de negócios. 

O software oferece muitas funcionalidades e recursos que otimizam o processo de conexão e tratamento de dados, para torná-los mais compreensíveis e ajudar nas decisões de negócio. 

Assim, algumas razões que tornam essa uma escolha interessante para empresas, são:

  • Descomplicado e bastante intuitivo, facilitando o uso por diferentes perfis de usuários;
  • Preços competitivos e muito acessível quanto em comparação com outras opções do mercado;
  • Integrações robustas com muitos outros softwares, SaaS e ferramentas (incluindo as da Microsoft);
  • Conexão com diversos bancos e fontes de dados;
  • Ferramenta em nuvem SaaS (Serviço de Power BI);
  • Oferece recursos de modelagem de dados;
  • É amigável para uso em dispositivos móveis;
  • Adaptável para diversos perfis de empresas (pequenas, médias ou grandes);
  • Visualização de dados muito intuitiva, personalizável e interativa;
  • Compartilhamento e colaboração com outros usuários disponíveis na ferramenta, etc.

Componentes do software de BI da Microsoft

A ferramenta da Microsoft é composta por alguns serviços de software e aplicativos que se integram e são importantes para usar a plataforma.

Os principais componentes do Power BI são:

Power BI Desktop

O Power BI Desktop é o aplicativo da Microsoft que pode ser instalado no seu computador Windows (não há suporte para MacOS ou Linux) para começar a utilizar o Power BI.

É neste aplicativo que ocorre todo o processo de conexão, limpeza e transformação, modelagem e visualização de dados.

Além disso, a partir dele, é possível criar visuais, relatórios e dashboards e compartilhar essas informações em outros componentes da plataforma.

Assim, o Power BI Desktop fornece vários recursos, como;

  • Conexão de dados originados de diversas fontes;
  • Criação de modelos de dados, definindo hierarquias e relações entre diferentes bancos de dados;
  • Limpeza e transformação de dados;
  • Visualização de dados através de painéis gráficos interativos e intuitivos;
  • Geração de relatórios de dados;
  • Compartilhamento de informações, etc.

Serviço de Power BI (serviço em nuvem)

O Power BI Service é o serviço em nuvem da plataforma. Geralmente, utiliza-se o SaaS como a etapa seguinte após criar relatórios e dashboards na versão desktop. 

Isso significa que profissionais que usam o Serviço de Power BI podem compartilhar relatórios e painéis criados com a versão desktop, consumir esses conteúdos e colaborar com as partes interessadas sobre as descobertas e insights gerados.

Apesar de seu principal uso ser este, também é possível usar o SaaS de BI da Microsoft para criar relatórios e dashboards, assim como no Power BI Desktop.

Além disso, uma funcionalidade muito popular do serviço é o Q&A – um recurso instantâneo de perguntas e respostas em linguagem natural, que possibilita ao usuário fazer perguntas sobre os relatórios disponíveis e obter respostas claras sobre seus questionamentos.

Power BI Mobile

O Power BI Mobile é outra integração do software, que possibilita o acesso móvel do usuário aos relatórios e dashboards.

O objetivo do aplicativo móvel é viabilizar o acesso às informações geradas pelos recursos da versão desktop ou do SaaS, de forma que o usuário possa acessá-las sempre que necessário através de seu dispositivo móvel.

É possível encontrar a versão mobile da ferramenta em  aparelhos Android, iOS e Windows, além de contar com funcionalidades como visualizações interativas, anotações, etc.

Há também outros dois componentes que fazem parte do Microsoft Power BI, são eles:

Servidor de Relatórios do Power BI

O Servidor de Relatórios do Power BI é uma solução que possibilita a instalação de um servidor por trás do firewall da empresa. 

Essa solução faz com que a geração de relatórios da ferramenta seja local e fique dentro dos sistemas da organização, evitando que os documentos sejam compartilhados em serviços em nuvem, como o Power BI Service.

Entretanto, se em algum momento a empresa decidir compartilhar relatórios e dashboards no SaaS (em nuvem), isso também é possível, uma vez que o Servidor de Relatórios do Power BI é compatível com a versão online da plataforma.

Essa solução é indicada para empresas que têm a necessidade de uma ferramenta de BI local por motivos de segurança, informações sensíveis, entre outras demandas específicas da organização.

Power BI Report Builder

O Power BI Report Builder é outro componente do software da Microsoft. Ele permite a criação de relatórios paginados, ou seja, que seguem um padrão de formatação adequado para uma página.

Assim, com esse recurso é possível criar relatórios que eventualmente serão compartilhados em formatos de página, como um PDF, ou até mesmo impressos.

Muitas organizações precisam desse recurso para poder compartilhar informações operacionais, imprimir formulários ricos, entre outros. 

Em outras palavras, esse é um componente adicional do ecossistema do Power BI e uma outra maneira de gerar relatórios de dados do negócio e compartilhar informações relevantes e detalhadas com as partes interessadas.

As principais funcionalidades do Power BI

A plataforma da Microsoft oferece muitas funcionalidades para diversos objetivos de negócios. Algumas delas são:

Agrupamento de dados não relacionados

O Power BI possibilita que o usuário reúna diversas fontes de dados não relacionados em um só lugar. 

A partir da junção desses dados, é possível criar relações entre eles da maneira que melhor atenda ao usuário.

Como por exemplo, é possível importar dados do Excel, da internet, de bancos de dados locais, de outros bancos de dados, entre outros, e criar conexões com esses dados dentro da plataforma.

Power Query

O Power Query é um recurso muito importante da plataforma. Ele permite que o usuário limpe e transforme os dados conectados no sistema.  

Imagine que o Power Query é um grande guarda-roupa bagunçado que precisa de arrumação. Para isso, será necessário limpar as roupas, sapatos e outros itens do armário, para só então, colocar tudo em ordem no seu devido lugar. 

O mesmo acontece ao usar o Power BI. Ao importar dados de diferentes fontes, será necessário limpá-los e transformá-los para os objetivos do negócio, antes de adicioná-los aos relatórios e dashboards.

Com o Power Query, é possível editar, adicionar ou remover elementos dos bancos de dados, como colunas ou linhas em branco, eliminar dados irrelevantes e tudo que é necessário para que as informações fiquem mais polidas, simplificadas e compreensíveis.

Modelagem de dados

Além das funcionalidades já mencionadas, o Power BI também oferece recursos de modelagem de dados, que são uma parte essencial do processo de análise de dados. 

A ferramenta permite que o usuário crie modelos de dados relacionais dentro da plataforma, estabelecendo padrões adequados aos objetivos da análise de dados.

Assim, uma vez que o usuário conectou fontes diferentes de dados na plataforma, ele poderá criar tabelas, medidas e hierarquias personalizadas e que se relacionam com outras tabelas do modelo.

Visualização de dados

A visualização de dados é uma funcionalidade do ecossistema de BI da Microsoft que torna o processo de análise de dados mais intuitivo e visualmente atrativo para quem consumirá essas informações.

Através do Power View – ferramenta de visualização de dados da plataforma – é possível criar painéis visuais em diversos formatos e modelos, para traduzir bancos de dados em gráficos mais fáceis e agradáveis de entender.

Os visuais criados também são interativos e personalizáveis, permitindo adicionar filtros, segmentações, entre outros recursos importantes para esse processo.

Criação de relatórios e dashboards

Com o Power BI também é possível criar relatórios e dashboards, contendo as informações extraídas dos bancos de dados e de todo o processo de análise de dados realizado.

Assim, o usuário poderá integrar essas informações em relatórios detalhados com informações relevantes para o negócio, além de conseguir apresentar e destacar os elementos principais de maneira visualmente agradável através de dashboards intuitivos.

Compartilhamento de informações

Além da criação de relatórios e dashboards, o Power BI também viabiliza a publicação das informações no Power BI Service – o serviço em nuvem do software.

Assim, os relatórios e painéis serão compartilhados e ficarão disponíveis para as partes interessadas, que poderão colaborar e consumir essas informações em nuvem.

Se uma organização deseja usar o Servidor de Relatórios do Power BI, também poderá compartilhá-los localmente com as partes interessadas, sem a necessidade de adicionar no serviço em nuvem.

Integrações com outras ferramentas Microsoft

Uma grande funcionalidade do Microsoft Power BI é a possibilidade de integrá-lo com diversas ferramentas da Microsoft e de terceiros.

Isso amplia e torna o desenvolvimento do trabalho na plataforma mais otimizado e efetivo, uma vez que pode-se usar várias fontes de dados, recursos e ferramentas para tornar o processo mais rico.

Algumas integrações do Power BI, são:

  • Microsoft Azure;
  • Microsoft Excel;
  • Microsoft Power Automate;
  • Microsoft SQL Server;
  • Outlook;
  • OneDrive for Business;
  • Azure DevOps;
  • Oracle;
  • MySQL;
  • PostgreSQL;
  • Salesforce;
  • Google Analytics, etc.

Como usar o Power BI para criar relatórios e dashboards?

O fluxo de trabalho para usar a plataforma para gerar relatórios e dashboards envolve algumas etapas.

O uso mais comum da ferramenta envolve o fluxo de trabalho feito no Power BI Desktop, que em seguida é compartilhado no Serviço de Power BI

Esse processo envolve algumas etapas, como:

Conexão de dados

Assim, após baixar o Power BI Desktop e configurá-lo, o primeiro passo é importar os dados das diferentes fontes de dados que você deseja explorar.

Para isso, vá em “Obter dados” e comece o processo de importação a partir das fontes de dados, como por exemplo, a partir do Excel, MySQL, Google Analytics, entre outros. Nesse processo, você precisará entrar nas contas das ferramentas de onde você importará os dados com suas credenciais autorizadas.

Limpeza e transformação de dados

Após a importação de dados, chegou o momento de limpar e transformar esses dados, tornando-os adequados para as necessidades do negócio.

Utilize o editor do Power Query para limpar seus dados. Nesse editor você pode e deve excluir tabelas, lacunas em branco, adicionar, agrupar ou modificar dados, etc.

Nessa etapa, é importante que você deixe os dados polidos e prontos para as próximas etapas do processo. 

Criação de painéis visuais

Enfim, com seus dados limpos e transformados, é hora de convertê-los em visuais.

A criação desses gráficos faz com que as informações que você deseja utilizar sejam agrupadas de maneira mais agradável visualmente, facilitando a compreensão de quem consumirá esse material.

Você pode criar um visual no Power BI Desktop clicando em “Visualizações” e em seguida, em “Criar visual”

Esse processo é totalmente personalizável e o usuário pode criar ou editar visuais da forma que melhor se adeque às suas necessidades.

Desenvolvimento de relatórios

Os relatórios são um agrupamento de visuais que contém vários elementos dos dados analisados. Por exemplo, várias perspectivas sobre um mesmo assunto, com dados relevantes em modelos visuais.

Ele une diversas informações em um documento, com uma ou mais páginas, resultando em um relatório visual detalhado e com as informações-chave sobre determinado assunto.

Compartilhamento de informações

Após criar seus relatórios, você poderá compartilhá-los no Serviço de Power BI. É possível fazer isso ao clicar no botão “Publicar” na página inicial da versão desktop da plataforma.

A partir disso, você precisará entrar na sua conta do Serviço de Power BI e poderá publicar o relatório da forma que preferir: no seu workspace, em workspaces compartilhados, etc.

No Power BI Service também é possível visualizar dashboards que contém diversos relatórios agrupados em um painel só. 

Com isso, os usuários poderão visualizar os dashboards e os relatórios e interagir com eles da forma que for mais conveniente.

O Power BI é gratuito?

O Power BI oferece planos gratuitos e pagos. A escolha vai depender de cada caso e envolve entender as necessidades do negócio. 

Contudo, o Power BI Desktop, onde é feita a parte mais densa do trabalho, é gratuita e pode ser baixada em um computador Windows.

A ferramenta, como já mencionamos, oferece muitas funcionalidades para a criação de relatórios e dashboards de informações, porém, para compartilhá-las e colaborar com outros usuários, é necessário obter uma licença.

É aí que surgem as opções pagas do Power BI: o Power BI Pro e o Power BI Premium.

As assinaturas pagas geralmente são indicadas para empresas com maior estrutura e que demandam de um ecossistema mais robusto de análise de dados. 

Assim, cabe a cada negócio entender qual plano melhor se adequa às suas demandas empresariais.

Exemplos de uso do Microsoft Power BI

A ferramenta de BI da Microsoft pode ser usada em diversos segmentos e para muitos objetivos. 

Alguns exemplos de uso do Power BI são nos setores de Marketing e Vendas, Logística e Operações, Recursos Humanos, Tecnologia e muitos outros. A forma de gerar relatórios e dashboards vai variar dependendo do setor e do que está sendo analisado.

Como por exemplo, na área de RH, é possível criar relatórios e dashboards sobre o número de contratações ao longo do tempo, a porcentagem de retenção de talentos, os tipos de contratação, etc. 

Já no segmento de Marketing e Vendas, é possível criar painéis visuais com informações sobre análise competitiva, oportunidades de mercado, performance das campanhas, histórico de vendas, etc. 

Da mesma forma, o Power BI é muito útil para profissionais do time Produto. Por exemplo, empresas que trabalham com diferentes plataformas (como sites, softwares e aplicativos) o volume de dados pode ser alto. Estabelecer formas inteligentes de tratar e interpretar esses dados é fundamental para melhorar a experiência do usuário e gerar valor para o negócio.

Os exemplos e as maneiras de criar relatórios e dashboards com a ferramenta são inúmeras e totalmente customizáveis. Para conferir outras formas de usar o software, você pode acessar a página de exemplos de uso do Power BI no site da Microsoft.

Conclusão

Em conclusão, o Microsoft Power BI é um aliado importante no processo de tomada de decisões de um negócio.

Essa ferramenta é capaz de compilar e facilitar o entendimento de informações do negócio, muitas vezes, densas, ao gerar relatórios e dashboards de informações relevantes de maneira totalmente personalizável e visualmente agradável.

Além disso, é muito popular no mercado por ser acessível, fácil de usar e agregar muito valor aos negócios. 

Agora que chegou até aqui, você já sabe o que é Power BI e por que essa é uma ferramenta ideal para negócios que querem orientar suas decisões a dados,  obtendo vantagem competitiva ao utilizá-los para criar estratégias mais efetivas de negócio. Que tal conversar com seu time para entender se faz sentido aderir a ela?

Leia também: