Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
23 de junho de 2021

Product Roadmap versus Release Plan: um guia rápido

Este conteúdo é uma tradução de um artigo originalmente publicado no Blog da Crayond e achamos de grande utilidade trazê-lo para a nossa comunidade de Produto no Brasil. Boa leitura!

Quando se trata de fazer produtos, o planejamento é algo que muitas vezes não recebe a importância que deveria. Gráficos e listas de tarefas não são suficientes. Para que as ideias realmente se transformem em algo inovador, você teria que definir o ritmo deliberadamente, prestando atenção a cada detalhe. É para isso que serve um roadmap.

O planejamento é uma parte inerente da execução perfeita e você precisa pensar no futuro mesmo depois que todo o desenvolvimento estiver concluído. Você precisaria ter um release plan para suavizar o lançamento do produto.

Roadmaps, releases plan⁠ – como você define quando usar cada um e quais são as suas diferenças?

Neste guia rápido você vai descobrir.

O que é Roadmap?

Um roadmap é um documento estratégico que permite definir a direção do desenvolvimento. Ele permite que os stakeholders saibam o que está sendo construído e a razão por trás daquilo. Simplificando, é algo em alto nível.

Product Roadmap no Jira
Fonte: atlassian.com

Um roadmap idealmente deve:

  • Conter a visão e a direção do produto
  • Deixar os stakeholders internos saberem o status das coisas
  • Ajudar a entender como o produto pode evoluir no futuro
  • Facilitar a comunicação e alinhamento
  • Certificar de que cada pessoa que está trabalhando no produto tenha um objetivo em comum com você

Quem precisa de roadmaps?

Os roadmaps atendem diferentes públicos, dependendo de seu tipo.

Aqui estão alguns tipos:

Roadmap interno para a equipe de desenvolvimento: 

Esses roadmaps ajudam a equipe de desenvolvimento a compreender os cronogramas, as datas de lançamento previstas e marcos importantes (contratos com clientes, deadlines de promoção etc). Se você estiver usando um método ágil, é melhor organizá-los por sprints. Isso o ajudará a traçar facilmente os diferentes pontos de trabalho que a equipe de desenvolvimento precisa assumir.

product roadmap
Fonte: Roadmunk.com

Roadmap para executivos: 

Esses roadmaps representam as metas e métricas de alto nível da empresa. Geralmente são organizados por trimestre ou mês. Olhando para esses roadmaps, pode-se entender o progresso dos objetivos.

product roadmap
Fonte: Roadmunk.com

– Roadmap interno para vendas: 

Esses roadmaps são idealmente criados para novos recursos ou melhorias para um produto existente. Eles se concentram principalmente em satisfazer as demandas dos clientes, o que poderá aumentar as vendas.

product roadmap
Fonte: Roadmunk.com

Roadmap público/externo: 

Esses roadmaps estão disponíveis para o público. Isso é para informar os clientes sobre o que está por vir.

product roadmap
Source: Roadmunk.com

Criando um Roadmap

Independentemente do tipo de roadmap que você deseja criar, as etapas são as mesmas.

Fonte: Roadmunk.com (tradução PM3)

  • Defina uma meta/objetivo: 

Essa meta representa o que você deseja alcançar e como deseja alcançar isso.

  • Atribuir tarefas às equipes: 

Quando se trata de desenvolver uma funcionalidade, muitas equipes estarão envolvidas. Por exemplo, a equipe de design terá que fornecer a interface do usuário, a equipe de conteúdo precisa decidir o texto, a equipe de desenvolvimento precisa desenvolver o software. Crie uma lista de tarefas para cada equipe e atribua a eles.

  • Monitore e atualize: 

Monitorar as tarefas constantemente ajuda a identificar bugs ou potenciais gargalos de maneira antecipada. Faça uma reunião semanal com todos os partes stakeholders envolvidas.

  • Ajuste os planos e prioridades conforme necessário: 

Embora você tenha um plano em vigor, há muitos casos em que pode ser necessário ajustá-lo. Ajuste seus cronogramas de forma que os itens de sua lista de prioridades sejam lançados primeiro.

  • Comece com um template: 

Templates são perfeitos para montar versões em uma única visualização. Eles fornecem uma visão geral estratégica de sua visão e plano. Isso ajuda as equipes em toda a organização a alinhar sua largura de banda de acordo. Também ajuda outras equipes a saber no que estão trabalhando.

Exemplos

Product Launch Roadmap:

Um roadmap de lançamento de um produto ajuda você a planejar e documentar sua estratégia de mercado e visualizar como ela deve progredir ao longo do tempo. Ele se estende por várias áreas da sua empresa, como marketing, engenharia, desenvolvimento, vendas e suporte. Atua como uma ferramenta de comunicação visual entre diferentes equipes para organizar suas tarefas antes que o produto chegue ao mercado.

product roadmap
Source: Roadmunk.com
product roadmap
Source: Roadmunk.com

O que é um release plan?

Os release plans nos ajudam a obter respostas para certas questões cruciais como “Quanto custará para a empresa desenvolver esta funcionalidade?”, “Quando será feito?” e “Quais são os recursos que estarão disponíveis neste sprint?”. Ele combina escopo, orçamento e cronograma.

Se você estiver seguindo um método ágil, seus lançamentos serão planejados em sprints ou vários sprints agrupados em um único lançamento. Um release plan é necessário para identificar quando dois conjuntos de funcionalidades ou produtos que possuem relação ou dependência estarão disponíveis para o usuário.

release plan
Fonte: https://www.visual-paradigm.com/

Um release plan indica claramente as expectativas da funcionalidade e quando ela será implementada. As entregas podem ser conduzidas de duas formas:

Por data:

product roadmap
Source – https://www.visual-paradigm.com/

Por funcionalidade:

product roadmap
Fonte: https://www.visual-paradigm.com/

Por que você precisa de um release plan?

Os release plans ajudam você a planejar seus resultados com antecedência. Isso cria expectativa e confiança entre os desenvolvedores e os stakeholders.

Um release plan atua como:

  • Uma fonte de comunicação
  • Ferramenta de planejamento
  • Valida o valor vs o custo
  • Define o contexto do que será entregue

Exemplo:

product roadmap

A imagem acima mostra um release plan que é dividido em 4 sprints com duas semanas cada. Os marcos exibem a data de lançamento esperada e as barras são definidas por cores para exibir a prioridade e as iniciativas em um nível de sprint.

Diferença entre product roadmap e release plan

Agora que lemos sobre o roadmap e o release plan, eles parecem fornecer as mesmas informações. Não é?

Mas, eles são muito diferentes um do outro. Listadas abaixo estão as principais diferenças.

Roadmap

  • Informa por que uma funcionalidade precisa ser construída.
  • Abrange todo o ciclo desde discovery indo até o lançamento, portanto, pode se estender por mais tempo.
  • Ele fornece um resumo visual de alto nível.

Release plan

  • Informa o que vai ser desenvolvido.
  • Possui um plano de rollout
  • É um documento interno geralmente compartilhado entre desenvolvedores e gerentes de produto.
  • Faz a transição da estratégia para um plano de ação.

Resumindo

Um roadmap, quando feito corretamente, comunica a visão do produto e serve como uma ferramenta visual de comunicação com os stakeholders (e às vezes até usuários). Ele contém detalhes estratégicos, como oportunidades, objetivos e épicos.

Por outro lado, um release plan comunica detalhes do que será desenvolvido. O planejamento é dividido em partes menores nos quais sua equipe pode agir e ir entregando de maneira mais interativa.

Lembrando que a Release planning, bem como o roadmap, pode ser divulgado de maneiras diferentes dependendo da audiência. Para determinados públicos da sua empresa pode ser simplesmente muita informação – mas pode ser útil para outros. O importante é estar preparado de acordo com a sua audiência.

No Curso de Product Management da PM3 tem uma aula completa sobre release planning com o Raphael Farinazzo e outra de Roadmap comigo, Marcell Almeida.

Domine Product Management!

Reunimos os melhores especialistas em produto do Brasil para compartilhar um conhecimento linear com cases reais do nosso mercado. Desta forma, você receberá uma formação no contexto do mercado em que atuamos, aprendendo com cases de quem realmente faz acontecer hoje em produto no no país.

Aproveite e confira já a ementa completa do curso e veja como ele se encaixa no seu momento atual de carreira!

Mais conteúdos para te ajudar a ser um(a) PM melhor:

Autoria de:

Você também pode gostar de ler