27 de julho de 2022

DISC: o que é o teste e como avaliar o perfil comportamental do time

DISC é teste utilizado para descobrir o perfil comportamental das pessoas, muito útil como ferramenta de análise de candidatos durante o recrutamento e seleção de profissionais, assim como para seu desenvolvimento ao longo da carreira. 

Esse é um modelo muito prático e adequado para aplicar em processos seletivos online, tão comuns especialmente após a pandemia. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto Locomotiva, por exemplo, a tendência de fazer o recrutamento na modalidade online deve permanecer, segundo 95% dos setores de RH entrevistados.

Neste artigo vamos explicar:

  • O que é DISC;
  • Como essa metodologia surgiu;
  • Como o teste funciona;
  • Perfis comportamentais do DISC;
  • Benefícios do método para líderes de Produto;
  • Como aplicar o teste DISC na sua empresa.

Boa leitura! 

O que é DISC

O DISC é um teste de perfil comportamental muito utilizado pela área de Recursos Humanos e que contribui para o desenvolvimento de profissionais e equipes como um todo. O teste também pode ser usado por líderes de diversas áreas para personalizar modelos de feedback, delegar tarefas, treinar pessoas e contratar novos talentos

Esse modelo ajuda a prever como as pessoas irão agir em determinadas situações e como enfrentarão os desafios que fazem parte da rotina da empresa, a partir de perguntas específicas e bastante objetivas.

Esse modelo permite avaliar as habilidades comportamentais das pessoas, as chamadas soft skills, e identificar padrões de reação, considerando fatores internos e externos que influenciam as formas de agir e as tomadas de decisão dos profissionais. 

Como o DISC surgiu

A base do DISC foi desenvolvida pelo psicólogo americano William Moulton Marston, a partir de estudos sobre o comportamento das pessoas diante de determinados contextos. Marston publicou suas descobertas na década de 1920, sob o título de “As emoções das pessoas normais”, apresentando os diversos perfis comportamentais. 

Mas foi o pesquisador Walter Vernon Clarke que, em 1945, criou o teste de perfil DISC como conhecemos hoje. Com o tempo, essa metodologia ganhou novos contornos e é amplamente aplicada no ambiente corporativo.

Agora que você já sabe a origem do teste DISC e o que esse conceito significa, vem saber como esse modelo de avaliação funciona e como ele pode ser aplicado às empresas de produtos digitais

Como funciona o teste DISC

O teste DISC é feito por meio de questionários de múltipla escolha e formulários que as pessoas devem preencher para descobrir seu perfil comportamental. As perguntas do teste envolvem assuntos como opinião, gostos, hábitos, visão de mundo, comportamentos, formas de lidar com determinadas situações, experiências e emoções. 

O questionário também pode apresentar algumas palavras para a pessoa escolher aquela que melhor a define ou algumas frases para a pessoa marcar aquela que faz mais sentido de acordo com a sua personalidade e a que faz menos sentido. 

Os resultados do teste são formulados a partir de métricas específicas que indicam os comportamentos e as habilidades das pessoas, além do perfil dominante desses colaboradores. Alguns insights que podem vir do teste são as motivações das pessoas, as formas de se comunicar, suas forças e fraquezas. 

Com as ferramentas online para a aplicação do DISC, depois que as perguntas são respondidas, o sistema compila as respostas e gera um relatório com o perfil comportamental do indivíduo. 

O DISC é aplicado individualmente e, se for feito durante um processo seletivo, por exemplo, a empresa pode estipular um tempo para a realização do teste. 

Os 4 perfis comportamentais

De acordo com a metodologia DISC, há 4 perfis comportamentais possíveis para as pessoas: 

  • Dominância: pessoas com esse perfil são bem práticas e competitivas e têm o hábito de liderar as situações e tomar decisões, além de terem uma forte veia empreendedora e grande criatividade. Outra característica desse perfil é a capacidade de lidar com os problemas e os desafios que aparecem, além de ter agilidade para encontrar soluções. Por outro lado, essas pessoas podem ter mais dificuldade em trabalhar em equipe e aceitar a opinião das outras pessoas; 
  • Influência: colaboradores com esse perfil costumam ter um grande poder de persuasão em relação as outras pessoas, são bastante comunicativos, sociáveis e autoconfiantes. Uma desvantagem desse perfil é a falta de foco, acompanhada da dificuldade de concluir tarefas;
  • Estabilidade: esse perfil tem um bom nível de inteligência emocional e é bastante flexível, se adaptando facilmente a diferentes situações, além de ter grande capacidade de observação e acolhimento. Pessoas com esse perfil podem ser mais reservadas e disciplinadas, além de terem mais facilidade para adotar uma rotina. Por outro lado, esses colaboradores tendem a não gostar de correr riscos e preferem se manter em lugares mais confortáveis;
  • Conformidade/Complacência: pessoas com esse perfil gostam de seguir as regras estabelecidas, são criteriosas e bastante analíticas. Outra característica desse tipo de comportamento é o cumprimento de prazos, a atenção aos detalhes e a qualidade do trabalho. Já uma desvantagem aqui é o alto nível de exigência, que pode paralisar os colaboradores com esse perfil.

Como você pode perceber, a primeira letra de cada perfil compõe a sigla DISC. É possível apresentar características de mais de um perfil DISC, mas um deles acaba predominando nas pessoas. 

Normalmente, os testes DISC trazem um relatório final com os resultados sobre o perfil comportamental da pessoa e a porcentagem alcançada em cada uma das categorias DISC. Assim, é possível entender o modo de agir das pessoas não apenas pelo perfil predominante, mas também pelas características dos demais perfis. 

Benefícios do DISC para líderes de Produto

Vimos como, com o DISC, é possível reconhecer certos padrões de comportamento e de modos de agir que devem ser considerados, por exemplo, durante um processo seletivo. 

Mas as empresas também podem se beneficiar desse modelo de teste com os colaboradores que já atuam na organização há mais tempo. Nesse sentido, a metodologia pode ser particularmente benéfica para líderes de Produto, que precisam construir um time engajado e fazer uma gestão eficiente de pessoas. 

O DISC permite, portanto, que os líderes alcancem resultados ainda melhores com seus respectivos times. Mas esse é só uma das vantagens de adotar essa metodologia. Separamos mais alguns benefícios do teste para você conhecer: 

  • Encontrar os profissionais alinhados ao perfil da vaga e à cultura da empresa, facilitando o processo seletivo;
  • Ajudar no desenvolvimento dos profissionais, a partir do reconhecimento do perfil comportamental dessas pessoas;
  • Identificar os pontos fortes e fracos de cada profissional do time, personalizando treinamentos e um plano para o desenvolvimento das habilidades;
  • Criar planos de carreira específicos de acordo com as preferências, as perspectivas e o jeito de agir das pessoas da equipe;
  • Delegar tarefas segundo as capacidades de cada profissional;
  • Otimizar os feedbacks oferecidos e as formas de passar os feedbacks para as pessoas (por exemplo, para perfis de dominância, é interessante ser mais objetivo no retorno para o profissional);
  • Aumentar o engajamento dos colaboradores com a empresa, que se sentem valorizados e reconhecidos;
  • Direcionar candidatos para funções mais adequadas ao seu perfil;
  • Diminuir o turnover na empresa;
  • Compor times com perfis variados e que se complementam, o que é importante para contar com visões diferentes e encontrar as melhores saídas para diferentes problemas;
  • Otimizar o trabalho em equipe, porque as pessoas se conhecem e conhecem melhor seus colegas, alinhando expectativas e sabendo como a equipe funciona.

Mas é importante dizer que os líderes não devem se basear apenas nos resultados do teste DISC para tomar decisões sobre quem contratar ou sobre qual direcionamento oferecer aos seus liderados. Uma empresa enfrenta desafios complexos, em que diversas habilidades são necessárias e, por isso, a análise dos líderes deve considerar todas essas complexidades. 

Nesse sentido, os líderes devem testar outras habilidades dos candidatos durante o processo seletivo e acompanhar de perto a performance dos profissionais no dia a dia da área. Lembrando que, embora o teste DISC aponte para um determinado perfil comportamental, as pessoas podem ter características de vários perfis e, por isso, não devem ser analisadas apenas de acordo com o resultado do teste.

Além disso, lideranças também podem realizar o teste DISC para autoconheciment, identificando qual é o seu estilo de liderança.

Como fazer o teste DISC

O teste DISC pode ser feito online e gratuitamente, mas muitas áreas de RH utilizam sistemas de gestão especializados e que contam com diferentes testes de personalidade para serem aplicados junto aos candidatos. Há modelos mais complexos de teste online que também oferecem uma versão paga e oferecem um relatório bem detalhado com os resultados.

Uma dica para aplicar o teste DISC é aliar esse método a outros modelo de teste, como o MBTI (Myers-Briggs Type Indicator), que se baseia nos 16 tipos de personalidade definidos por Jung.

Além disso, os resultados do DISC trazem insights mais relevantes quando avaliados em conjunto com outras abordagens, como entrevistas e outras perguntas que sejam relevantes para o cargo.

mydiscprofile

Uma das diversas ferramentas online e gratuitas para aplicação do teste de perfil DISC é o mydiscprofile, no qual você marca a alternativa que faz mais sentido de acordo com a sua personalidade. Ao final do teste, você recebe o seu relatório por e-mail, com detalhes sobre o seu perfil comportamental. 

The personality lab

Outra possibilidade para entender melhor o seu comportamento (ou o dos seus liderados), que oferece um modelo mais complexo de análise do perfil comportamental, é o teste do The personality lab, que traz 9 tipos de personalidades para avaliação. Nesse caso, o sistema apresenta uma afirmativa e você deve marcar se você concorda ou não com ela. Ao final, você também recebe um relatório detalhado sobre a sua personalidade.

Propósito Maior

Uma terceira ferramenta é a oferecida pela Propósito Maior, que trabalha com a metodologia DISC. Nesse teste, você responde a 40 questões e recebe o resultado do teste comportamental, que contempla 15 perfis diferentes. 

Conclusão

O teste comportamental DISC, como vimos, é muito utilizado na seleção de pessoas e também pode ser muito útil para líderes que buscam autoconhecimento e métodos para contribuir com o desenvolvimento de seus liderados.

Considerando que a área de Produto ainda é repleta de desafios para quem ocupa cargos mais altos, essa ferramenta pode ser mais uma aliada para quem precisa gerir pessoas.

Conheça o framework de Check-in Mensal

Quer acompanhar melhor as suas metas de desenvolvimento e auxiliar seus liderados nesse processo? Conheça o framework de Check-in Mensal, um método que auxilia líderes na rotina de feedback e contribui para o crescimento pessoal e profissional de quem está buscando um plano de desenvolvimento. Acesse nosso template gratuito e comece agora mesmo!

Leia também:

Autoria de:

Você também pode gostar de ler