7 de julho de 2022

MBTI: o que é e como pode ajudar times de Produto

O MBTI, também conhecido como Myer Briggs Types-Indicator (classificação tipológica de Myers Briggs), é um modelo de teste de personalidade pode ajudar Product Managers. Com ele, você passa conhecer melhor seus valores e jeito de ser, entendendo o quanto isso afeta suas habilidades comportamentais e técnicas (soft skills e hard skills).

Talvez você já tenha ouvido falar em conceitos como “analista comandante” ou “idealista mediador”. Esses nomes são derivados do teste MBTI, que classifica 16 tipos de personalidades com base em algumas perguntas. Interessante, não? Mas mais do que um rótulo, esse teste serve como um guia para você conhecer seus pontos fortes e fracos e trabalhar seu desenvolvimento pessoal.

Por essa razão, o MBTI também é muito útil para líderes, que podem utilizar essas informações para direcionar melhor o crescimento pessoal e profissional de seus liderados.

Aqui você vai saber o que é MBTI, como descobrir o seu tipo de personalidade e qual a importância de entender a personalidade de cada um do time para que o trabalho se desenvolva da melhor forma possível. Vamos lá?

O que é MBTI

MBTI é um modelo de teste de personalidade bastante utilizado pelos setores de RH no processo de recrutamento e seleção de candidatos, mas que também pode ser aplicado por qualquer área dentro da empresa para entender os pontos fortes e desafios dos profissionais. 

Na prática, ele funciona a partir de uma série de perguntas (ou afirmações) que a pessoa deve responder de acordo com a sua personalidade e seu modo de pensar e de agir no mundo. Para cada pergunta ou afirmação, a resposta deve seguir a seguinte escala:  

  • Concordo totalmente;
  • Concordo em parte;
  • Indiferente;
  • Discordo em parte;
  • Discordo totalmente.

No total, há 16 tipos de personalidades possíveis como resultado do teste. Ele pode ser realizado de maneira online, a partir de um questionário interativo. Inclusive, há algumas ferramentas gratuitas para isso, que vamos mostrar no último tópico do artigo. Ao final do teste, o sistema computa as respostas e analisa o perfil da pessoa, emitindo um relatório detalhado sobre a forma como essa pessoa vê o mundo e se comporta diante dele.

Como o teste MBTI surgiu

O MBTI é baseado nos Tipos Psicológicos de Carl G. Jung e foi criado por Katherine Cook Briggs e Isabel Briggs Myers, mãe e filha respectivamente, durante a Segunda Guerra Mundial. Cook Briggs se interessou pela obra do psicólogo suíço e buscou torná-la mais acessível. 

Esse teste de personalidade foi registrado em 1943 e nasceu com o propósito de entender o perfil das pessoas que trabalhavam na indústria militar, para que fosse possível alocá-las de acordo com sua personalidade, entendendo em que função o potencial delas poderia ser melhor aproveitado. O teste acabou sendo utilizado também pelo Escritório de Serviços Estratégicos dos EUA e aplicado aos seus agentes. 

O perfil MBTI começou a se popularizar como um teste corporativo (aplicável a empresas) em 1975, pela professora de psicologia na Unidade da Flórida, Mary McCaulley e pela própria Briggs Myers. 

Tipos de personalidade

O resultado do teste MBTI de personalidade indica como percebemos e julgamos o mundo, o que influencia nossas escolhas, quais as nossas principais características, os nossos potenciais, pontos fortes e fracos, as nossas preferências e como resolvemos problemas. 

Como dissemos, o teste aponta 16 diferentes tipos de personalidades, baseando-se em dicotomias e tipos psicológicos, cruzando informações para chegar no melhor resultado.

Você talvez já tenha se perguntado o que significam as letras do MBTI, certo? Vejamos a seguir qual é a tipologia utilizada durante a avaliação de personalidade:

Dicotomias

O teste MBTI se baseia nas chamadas dicotomias de método, considerando as dimensões dos tipos psicológicos. Há 4 dicotomias possíveis: 

Sensação (S) ou Intuição (N) 

Avalia a maneira pela qual a pessoa processa uma informação. Pessoas predominantemente sensoriais costumam acreditar mais nos próprios sentidos, como a visão e a audição, e precisam de uma constatação mais concreta das coisas. Já quem é mais intuitivo consegue lidar melhor com informações abstratas e costuma confiar na própria intuição para agir. 

Extroversão (E) ou Introversão (I) 

Avalia as atitudes da pessoa, seu comportamento em relação aos outros e a si mesmo, a partir de gostos e preferências. Pessoas mais próximas do polo da extroversão costumam ter mais facilidade na interação com outras pessoas e gostam de situações de convívio social. Já pessoas mais introvertidas têm um forte diálogo consigo mesmas e preferem a solidão para pensar e tomar decisões.

Pensamento/Razão (T) ou Sentimento/Emoção (F) 

Que permite entender o modo como a pessoa toma suas decisões. Pessoas que privilegiam o pensamento são consideradas mais racionais, baseando suas decisões em raciocínios lógicos. Já pessoas mais emotivas tomam decisões baseadas nos afetos e costumam ser mais empáticas, privilegiando a opinião dos outros. 

Julgamento (J) ou Percepção (P): 

Permite entender como a pessoa lida com as coisas que acontecem. Essa dicotomia diz respeito ao estilo de vida das pessoas, de modo que, no polo do julgamento, estão as pessoas mais metódicas e de personalidade dominante. Já no polo da percepção, estão as pessoas mais flexíveis, com um estilo de vida tranquilo. Inicialmente, este par não existia na teoria de Jung, mas foi adicionado no teste MBTI.

Tipos psicológicos do teste MBTI

De acordo com o teste MBTI, há 16 tipos de personalidades, a partir da combinação entre os elementos das dicotomias. Os tipos psicológicos estão divididos em 4 grupos principais, cada um deles trazendo 4 tipos de personalidade. 

Você vai ver que cada subtipo traz uma sigla. Ela corresponde à combinação das dicotomias. Assim, por exemplo, o perfil INTJ, é uma combinação de Introversão(I)-Intuição(N)-Razão (T)-Julgamento (J).

Analistas/Racionais

Os analistas/racionais são divididos em:

  • Arquiteto (INTJ): esse perfil é criativo, estratégico, lógico e independente;
  • Lógico (INTP): perfil reservado, independente e com muito interesse por teorias, conhecimento e inovação;  
  • Comandante (ENTJ): perfil proativo para resolver problemas, ousado, criativo, confiante, estratégico, predominantemente racional e carismático;
  • Inovador (ENTP): perfil curioso, inteligente, analítico e flexível.  

Diplomatas/Idealistas

Alguém diplomata/idealista pode ser:

  • Advogado (INFJ): pessoa reservada, cheia de ideias, com opiniões fortes e resiliente; 
  • Mediador (INFP): perfil empático, flexível, criativo, reservado, discreto e muito ético; 
  • Protagonista (ENFJ): perfil de liderança, com muito carisma, prestativo e animado; 
  • Ativista (ENFP): pessoa com grande criatividade, sociável e independente. 

Sentinelas/Guardiões

As pessoas com perfil de sentinelas/guardiões são divididas em:

  • Logístico (ISTJ): perfil responsável e comprometido, organizado, metódico e realista; 
  • Defensor (ISFJ): pessoa muito empática, atenta aos detalhes e bastante paciente; 
  • Executivo (ESTJ): perfil com grande capacidade empreendedora, eficiente e determinado; 
  • Cônsul (ESFJ): perfil popular, carismático, carinhoso, sociável e colaborativo. 

Exploradores/Artesãos

Quem tem perfil explorador/artesão pode ser:

  • Aventureiro (ISFP): pessoa que gosta de inovar, sensível, ousada, flexível e contestadora; 
  • Empresário (ESTP): pessoa inteligente, com grande apetite pelo risco, pragmática e persuasiva;
  • Animador (ESFP): perfil animado, com bastante energia, sociável, tolerante e colaborativo;
  • Virtuoso (ISTP): perfil tecnicamente habilidoso, analítico, prático e ousado. 

As 16 personalidades são geradas a partir das combinações entre as dicotomias e os tipos psicológicos, com características dos dois grupos. Então, por exemplo, uma pessoa que é diplomata advogado tem as características do tipo diplomata e do polo introversão. Já um diplomata protagonista tem características do tipo sentinela e do polo extroversão.

Como o MBTI pode ajudar times de Produto 

Como vimos, de acordo com o método MBTI, há perfis mais introvertidos, extrovertidos, sentimentais e analíticos. Pensando no contexto de liderança de Produto, isso serve para você identificar sem tem fit com essa responsabilidade, além de distribuir melhor as funções e aproveitar os potenciais de cada pessoa no time.

Mas antes disso, fazer um teste MBTI é interessante para avaliar se a sua personalidade combina com o perfil desejado para o cargo de Gestão de Produto. Algumas habilidades e características importantes para esse cargo são:

  • Liderança e poder de influência;
  • Empatia;
  • Escuta ativa;
  • Pensamento crítico;
  • Visão estratégica;
  • Colaboração com o time;
  • Boa comunicação;
  • Negociação.

O MBTI permite identificar se você tem alguma dessas características e qual delas é predominante no seu perfil. Esse autoconhecimento também traz mais segurança para você defender seu ponto de vista ou se apresentar durante uma entrevista de recrutamento, por exemplo. 

O MBTI mostra quais são seus pontos fortes e suas fraquezas. Sabendo as habilidades mais valorizadas em Product Managers, você consegue trabalhar o que ainda precisa melhorar e refinar seus diferenciais.

Isso quer dizer que, mesmo que você não tenha um perfil analítico, por exemplo, pode desenvolver essa característica tão importante para a gestão de produto, aproveitando também outros traços da sua personalidade mais consolidados. 

As principais aplicações do teste MBTI nas organizações e no dia a dia de lideranças são:

  • Compor times com personalidades complementares;
  • Treinar as pessoas com base nos pontos fortes e aspectos que precisam de desenvolvimento;
  • Promover o autoconhecimento entre as pessoas do time, estimulando o autogerenciamento e o aprendizado constante para a melhoria contínua;
  • Identificar os perfis de liderança e treinar essas pessoas para ocuparem essa função.
  • Ajudar a empresa a entender o perfil psicológico das pessoas e a compor times com as personalidades mais adequadas para cada função, considerando a diversidade dos perfis para soluções mais criativas e inovadoras;
  • Entender individualmente qual o seu jeito de trabalhar e contribuir para a equipe, ficando mais claro qual o seu papel dentro do time;
  • Ampliar a percepção e modo de enxergar o mundo, porque entendemos como fazemos isso espontaneamente.

Um pouco mais sobre as habilidades de Product Managers

Falamos sobre as habilidades mais procuradas em Product Managers. Como a rotina dessa função exige uma grande capacidade de análise de dados, aplicação de testes A/B e desenvolvimento de narrativas baseadas em informações concretas, podemos dizer que é importante ter um perfil mais analítico.

Isso não quer dizer que a emoção deva ser excluída dessa função. Pelo contrário, a empatia é outra habilidade muito relevante para PMs. Afinal, a gestão de produto também envolve liderar por influência, entendendo do que as pessoas ao seu redor precisam, ouvindo suas dores.

Um perfil extremamente racional, mesmo que tenha grande domínio das análises, precisa desenvolver esse outro lado mais emocional para desempenhar a função de PM com eficiência. Da mesma forma, alguém predominantemente sentimental, pode aproveitar essa característica para acolher as pessoas do time e ter empatia, mas também precisa desenvolver o pensamento analítico e o pensamento estratégico

Além disso, PMs estão constantemente em contato com stakeholders, então mesmo que você tenha uma personalidade mais introvertida, é necessário trabalhar a capacidade de negociação e de comunicação (característica predominante nos perfis extrovertidos). Afinal, é papel dos PMs passar ideias e resultados da forma mais clara possível para alinhar os objetivos do time e engajar as pessoas, além de buscar o buy-in dos stakeholders em relação às estratégias definidas. 

E como você pode saber quais são as características principais que compõem a sua personalidade? Fazer um teste MBTI online é um bom começo. Saiba como você pode acessá-los a seguir!

Como saber seu MBTI

O teste de personalidade pode ser feito de maneira online, por meio de ferramentas gratuitas que emitem um relatório detalhado sobre o tipo de personalidade encontrada. A seguir, separamos 3 dessas plataformas para você conhecer e experimentar.

16 Personalities

O 16 Pesonalities é uma das ferramentas mais conhecidos aqui no Brasil para realizar o teste de personalidade MBTI. Você leva cerca de 12 minutos para responder as perguntas, sempre levando em consideração aquela escala que apresentamos anteriormente, que vai de concordo a discordo. As perguntas envolvem desde a forma como lidamos com problemas e como tomamos decisões, até preferências que se manifestam nas nossas escolhas do dia a dia. 

Ao final da pesquisa, você recebe um relatório detalhado com todas as características para entender melhor os resultados do teste, compreender suas preferências e a forma como toma decisões, para que você identifique suas forças e fraquezas. 

Inspiira

O Inspiira é outra ferramenta que oferece a possibilidade de realizar o teste MBTI de maneira gratuita. Ele não se baseia em escala como o anterior, mas pede para você selecionar entre dois conjuntos de palavras que descrevem melhor a sua personalidade, como você age e interage com o mundo. 

Ao final, a ferramenta classifica as suas respostas de acordo com os 16 tipos de personalidades e traz um relatório detalhado sobre a categoria encontrada.  

The Personality Lab

O The Personality Lab também é um teste interativo em que você responde uma série de perguntas numa escala que vai de discordo totalmente até concordo plenamente. As questões são mostradas em grupos de 5, e é preciso responder a todas as perguntas para conseguir finalizar o teste e ter acesso ao relatório sobre o tipo de personalidade encontrada. 

IDRlabs

O IDRlabs oferece um teste online e gratuito a partir de 44 questões que trazem duas afirmações entre as quais você deve escolher uma opção de acordo com aquela que está mais alinhada à sua personalidade. 

Ao final do teste, você tem acesso ao resultado, que traz tanto uma explicação em texto, como mostra os percentuais que você obteve em cada uma das dicotomias. Além disso, para inspirar os usuários, o site também apresenta algumas pessoas conhecidas que têm o mesmo tipo de personalidade que você. 

Utilizar ferramentas gratuitas para fazer o MBTI é um primeiro passo para você entender quais são suas características predominantes e quais habilidades você precisa melhorar para trabalhar com Product Management, analisar dados como uma pessoa especialista, gerenciar pessoas de maneira eficiente e entender seus usuários em profundidade, se colocando no lugar deles. 

Quer saber como estruturar o desenvolvimento de seus liderados?

Se você já é líder em Produto e busca ferramentas que possam te ajudar a acompanhar e desenvolver as habilidades do time, o framework de Check-in Mensal é um método muito útil. A partir dele, você consegue acompanhar de perto os objetivos da pessoa que está liderando, auxiliando no crescimento pessoal e profissional dela. Acesse gratuitamente o nosso modelo para gestão de Product Managers clicando aqui.

Gostou de saber mais sobre o MBTI? Então, confira também:

Autoria de:

Você também pode gostar de ler