Equipe de conteúdo - PM3

Equipe de conteúdo – PM3

10 minutos de leitura

Que trabalhar não é brincadeira, já sabemos. Mas e se pudesse ser? Você já imaginou fazer sua empresa crescer de forma espontânea, colaborativa e inigualável? Tudo isso e muito mais é possível através do método de gamificação.

Talvez você nunca tenha pensado nisso, mas sua empresa tem muito a ganhar ao implementar o sistema de gamificação – especialmente quando falamos em gestão de equipes.

Aqui você vai conferir:

  • O que é gamificação;
  • 3 aplicações da gamificação nas empresas;
  • Por que implementar a gamificação na sua empresa;
  • Benefícios da gamificação para os times;
  • Como aplicar o sistema de gamificação junto ao time.

Continue lendo para entender melhor!

O que é gamificação?

Em 2002, Nick Pelling, programador e designer de jogos, criou o termo “gamificação”, originário do inglês gamification. O conceito é simples e está relacionado à utilização de ideias aplicadas no universo dos jogos.

A gamificação pode ser aplicada em diversos setores como Marketing, Vendas, Educação, entre outros.

Apesar de fazer apenas 20 anos que o termo gamificação se popularizou, essa prática vem de muito antes. Por isso, é bem provável que você já tenha vivenciado a gamificação em seu dia a dia.

Se pararmos para pensar, sempre que participamos de gincanas e dinâmicas na feira de ciências ou na aula de educação física na escola, estávamos ali sendo impulsionados a nos desenvolver de forma espontânea e colaborativa.

No meio corporativo, muitas organizações adotam a aplicação de jogos para gerar diversos tipos de resultados diferentes, sejam eles interna ou externamente. 

pilares da gamificação

Exemplos no contexto de Produto

Podemos enxergar como gamificação o desafio de um time de Produto que desenvolve uma nova funcionalidade e precisa fazer com que os usuários a utilizem.

A estratégia de gamificação transforma o que antes chamamos de “metas” e “objetivos”, fortalecendo o vínculo empregatício e motivando o colaborador por meio de desafios saudáveis criados para impulsionar a produtividade e estimular a criatividade entre as equipes.

Nesta situação, por exemplo, a gamificação pode ser aplicada ao criar entre as pessoas do time um desafio ou competição para elaborar a melhor estratégia de adoração. Dessa forma, quem der a melhor ideia pode ser recompensado com uma bonificação, por exemplo.

Podemos ver a mesma lógica nos próprios aplicativos, que muitas vezes nos desafiam e criam pontuações para nos incentivar a utilizar seus serviços cada vez mais.

Ou seja, a mecânica de jogos tem como propósito tornar tudo mais leve e divertido, mesmo no ambiente de trabalho. Isso porque transformar demandas em algo cheio de entusiasmo é um fator motivacional para a produtividade.

A gestão organizacional que aprova métodos inovadores e se interessam por diferentes meios para alcançar seus objetivos tem interessado cada vez mais pessoas que buscam por melhores oportunidades e condições de trabalho.

3 aplicações da gamificação nas empresas

Depois dessa aula sobre gamificação, chegou a hora de você aprender as mais diversas áreas em que ela pode ser implantada.

Vendas

Jogos comerciais estimulam o atingimento de metas e o conhecimento da jornada de compra das equipes de Vendas.

Treinamentos

Substituir práticas rotineiras e cansativas de treinamentos por jogos ágeis e dinâmicos ajuda na assimilação do conteúdo transmitido.

Processos seletivos

Selecionar e receber novos colaboradores com a ajuda da gamificação é uma forma de reforçar a identidade da empresa e surpreender os candidatos com processos que fogem do tradicional padrão de entrevistas e avaliações.

Elaborar um jogo com as características da empresa e testar o “match” dos candidatos pode ser uma boa ideia, bem como receber novos colaboradores com um boardgame que o leve até a área em que irá trabalhar, passando por todos os setores de apoio e as informações essenciais atreladas a eles.

Por que aplicar o sistema de gamificação?

A implementação de games no mundo corporativo é percebido como um reflexo das mudanças constantes sofridas pela sociedade.

As gerações mais jovens que estão se inserindo no mercado e se expressam por meio da tecnologia o tempo todo, então por que não dentro do ambiente de trabalho?

Uma atividade gamificada desenvolve a concentração dos colaboradores e auxilia na priorização de tarefas em meio às rotinas cada vez mais dinâmicas e atribuladas.

Por outro lado, estimular a motivação nos colaboradores é um grande desafio para as empresas. É comum que as equipes se sintam sobrecarregadas, desestimuladas e desengajadas pelo excesso de demandas e a dificuldade de organização do dia a dia.

A gamificação é um caminho para desenvolver a organização e dar um motivo a mais no desempenho de cada tarefa.

Utilizar esse método nas empresas como estratégia para estimular o trabalho em equipe é  uma boa ideia, ainda mais se os setores não se veem como partes de um mesmo organismo. Nesse caso, vale o exercício de construir equipes mescladas e estimular o senso de colaboração de todos.

Por outro lado, se o seu objetivo é despertar nos colaboradores a ambição pelo trabalho, uma competição saudável pode ser a melhor alternativa.

Medir o desempenho nas atividades, oferecer recompensas simbólicas às melhores performances e estimular o diálogo contributivo para auxiliar aqueles que não se saíram bem são alguns dos benefícios da gamificação.

As atividades gamificadas  podem ser formuladas de acordo com as demandas da empresa. 

Quais os benefícios de implantar a gamificação na sua empresa?

Você deve estar se perguntando quais são os benefícios de implementar a gamificação na sua empresa, não é mesmo?

Funcionários motivados

O foco principal na estratégia de gamificação está em criar conexões dentro do ambiente organizacional, isso quer dizer que os colaboradores ficam motivados a alcançar o objetivo final.

Entretanto, não vêem essa tarefa como algo obrigatório justamente por conta da conexão estabelecida entre os colaboradores da empresa.

Desenvolvimento de habilidades comportamentais da equipe

As empresas possuem o hábito de aplicar treinamentos e o intuito principal disso é desenvolver as hard skills de seus colaboradores.

Embora essas habilidades de fato sejam importantes, o mercado de trabalho está em constante transformação e as soft skills têm conquistado seu espaço.

E é a partir da gamificação que se torna possível personalizar a experiência de acordo com as características dos colaboradores da empresa, e dessa forma, desenvolver e extrair o melhor das habilidades comportamentais de cada um.

Produtividade dos colaboradores

A produtividade anda de mãos dadas com outros dois aspectos muito importantes para o colaborador, são eles a motivação e o reconhecimento.

A gamificação consegue unir esses 2 aspectos, ao participar, o colaborador se sente motivado a dar o seu melhor naquela atividade com o objetivo de ser o vencedor. 

Automaticamente, com o destaque vem o reconhecimento que tende sempre a motivar o profissional a se desafiar e alcançar cada vez mais resultados positivos.

Processos otimizados

A gamificação gera relatórios e são esses relatórios que possibilitam com que a empresa passe a acompanhar o progresso ou regresso do colaborador.

Cultura organizacional

Atualmente, as empresas têm tido um grande desafio: contratar novos talentos e para além disso, mantê-los na empresa. Cada vez mais, os ciclos se encerram mais rapidamente nas empresas.

Os colaboradores mais jovens buscam se atualizar constantemente, mas uma cultura organizacional bem definida pode ser um ótimo caminho para reter talentos dentro de uma organização.

Podendo atrelar os jogos à otimização de processos internos e às soluções de problemas, a gamificação e a cultura organizacional se unem, podendo favorecer uma a outra simultaneamente.

Isso é possível pois a gamificação acaba contribuindo quando o assunto é a participação ativa na empresa. 

O protagonismo, a troca de experiência, melhoria contínua e feedback constantes permitem que os colaboradores criem conexões com os objetivos da empresa e passem a se importar com a cultura e o cumprimento dos regimes e normas.

Como implementar a gamificação junto ao time

Depois de tudo o que você viu até, finalmente chegou a hora de descobrir como aplicar o sistema de gamificação. Então, fique atento ao passo a passo para desfrutar dos benefícios dessa prática.

Convide os colaboradores a participarem

A participação do colaborador deve ser voluntária para gerar o resultado esperado. Então busque fazer um convite atrativo, pensando nas motivações do time para engajar com a iniciativa.

Explique as regras da gamificação

Assim como em qualquer jogo, a gamificação possui regras e é de extrema importância que os colaboradores tenham clareza sobre cada uma delas. Explique aspectos como:

  • O que é preciso fazer para avançar etapas;
  • Prêmio para cada etapa avançada;
  • Objetivo final;
  • Modalidade da dinâmica;
  • O que não é permitido;
  • Atitudes eliminatórias;
  • Sistema de pontuação.

Especifique quais suas metas

Estimule a alta performance da equipe especificando quais as metas da gamificação, qual o motivo e importância dela para aquele momento da organização.

Dê feedback

Tanto empresa quanto colaborador precisam entender o motivo de não bateram determinada meta e, a partir disso, pontuar o que precisam melhorar para que o resultado negativo não se repita.

Pensando nisso, o feedback é uma ótima ferramenta, dessa forma, a gamificação além de auxiliar na produtividade auxilia também na gestão da empresa. Dinâmicas de post-mortem também são uma boa pedida.

Conclusão

Como você viu ao longo desse texto, o conceito de gamificação é simples e pode ser aplicado em diversos setores da vida profissional e pessoal.

No meio corporativo, a gamificação é aplicada de forma que o profissional que mais se desenvolver, seja presenteado com um bônus por exemplo. Além do mais, a estratégia da gamificação está em criar conexões dentro do ambiente organizacional, isso quer dizer que os colaboradores ficam motivados a alcançar o objetivo final.

Entretanto não vem essa tarefa como algo obrigatório justamente por conta da conexão estabelecida entre os colaboradores da empresa.

A produtividade anda de mãos dadas com a motivação e o reconhecimento, fazendo do sistema de gamificação uma poderosa ferramenta para lideranças. Esse método contribui com a participação ativa de seus colaboradores na empresa, isso tende a fortalecer cada vez mais a cultura organizacional.

Portanto, a gamificação atua positivamente dentro e fora do ambiente corporativo, sendo considerada uma estratégia inovadora de gestão de pessoas e times.

Sabendo que é possível fazer com que o trabalho se transforme – desde treinamentos corporativos até as tarefas cotidianas – não faltam motivos para implementar a gamificação dentro da sua organização. 

Leia também:

Fique por dentro do mundo de negócios e produtos digitais!

Cadastre-se na nossa newsletter mensal e receba atualizações do blog, conteúdos gratuitos e links úteis para otimizar seu trabalho.