Identidade visual: o que é, qual a importância e como criar uma
Equipe de conteúdo - PM3

Equipe de conteúdo – PM3

10 minutos de leitura

Panorama do Mercado de Produto

A identidade visual é um conjunto de elementos visuais e gráficos como logo, tipografia, cores e ícones, que servem para direcionar a comunicação e o posicionamento de uma marca ou solução no mercado de maneira efetiva. Esses componentes são pensados para alinhar-se não só aos produtos e serviços, como também à mensagem, valores, missão e objetivos da empresa, tornando coerente e consistente a apresentação de uma marca no mercado.

Continue lendo este artigo para entender mais sobre identidade visual, sua importância e, por fim, dicas de como criar uma para conquistar um posicionamento estratégico para sua marca ou produto.

O que é identidade visual?

Identidade visual é um estudo documentado, composto por diversos elementos gráficos que tem como finalidade criar uma comunicação coesa e alinhada para uma marca ou produto.  Mas para além dos aspectos visuais, uma identidade visual forte e bem construída precisa estar alinhada a elementos subjetivos e intangíveis da empresa, como sua mensagem, personalidade, valores e missão.

Essa dinâmica, quando bem feita, é o que garante a diferenciação de uma marca e seu posicionamento eficiente no mercado. Na verdade, esse é o principal objetivo de uma identidade visual, uma vez que em um mar de empresas e concorrentes, o que um negócio, produto ou serviço precisa é se destacar de maneira personalizada e única na indústria em que está inserida. 

Assim, uma boa identidade visual é indispensável para garantir que as estratégias de comunicação da empresa sejam consistentes e eficientes.

Elementos de uma identidade visual

Uma identidade visual bem estruturada é composta por diversos elementos fundamentais para construir a comunicação e o posicionamento de uma marca ou solução no mercado. Alguns desses elementos são:

Tipografia

A escolha da tipografia de uma marca ou produto é essencial para a transmissão correta da mensagem da empresa ou da solução. 

Esse elemento, em conjunto com os outros, contribui para expressar e fortalecer a personalidade da marca ou do produto através de fontes e estilos textuais que diferenciam a empresa de outros concorrentes no mercado. A tipografia ajuda a reforçar características do negócio ou do produto como sua modernidade, confiança, força, delicadeza, ou qualquer outra sensação que a marca queira passar.

Esquema de cores

Assim como a tipografia, a paleta de cores ajuda a tornar o produto ou a empresa reconhecíveis no mercado. Mas não só isso, as cores também são responsáveis por despertar emoções e sensações e fazer o consumidor criar associações específicas em relação ao que vê.

Na definição do esquema de cores de uma identidade visual, é preciso pensar não apenas nas cores que expressam a mensagem da marca, como também em quais são as melhores combinações para as sensações que você deseja passar através do produto ou da marca. Para auxiliar esse processo, a psicologia das cores é uma forte aliada e pode oferecer um olhar mais estratégico na definição da identidade visual.

Logo

O logo é uma representação gráfica da marca. Ele é definido para ajudar a identificar a marca de maneira visual e gráfica. Esse elemento pode incluir o nome da empresa, apenas símbolos ou a combinação dos dois.  Além disso, reúne aspectos como a paleta de cores e a tipografia definidas, por exemplo, para reforçar ainda mais o conceito da marca ou do produto.

Ícones, imagens e ilustrações

Símbolos, ícones, imagens e ilustrações também são elementos fundamentais de uma identidade visual.  Essa definição ajuda a fortalecer a identidade da marca, criando uma comunicação mais consistente e coerente em todos os canais. 

Um exemplo disso, são os emojis nas redes sociais. Algumas empresas selecionam emojis específicos que contribuem para a transmissão e o fortalecimento da mensagem da marca nos canais de marketing.

Tom de voz

O tom de voz é a maneira como a empresa se comunicará com seu público-alvo. Defini-lo no processo de criação de uma identidade visual é fundamental para evidenciar a forma como a marca se apresentará em seus canais.

Um tom de voz pode ser informal, formal, descontraído, engraçado, amigável, entre outros, reforçando a identidade da marca e ajudando a diferenciá-la de seus concorrentes.

Qual a importância de uma identidade visual para o posicionamento de marca ou produto?

Uma identidade visual pode e deve ser aplicada não só na comunicação offline de um negócio, como também na digital. 

Com o uso cada vez maior da internet, os padrões de consumo dos usuários têm passado por mudanças significativas. 

Essa adesão ao digital tem promovido um uso maior de produtos, plataformas e serviços digitais e consequentemente, tem exigido de empresas estratégias de marketing e comunicação digital mais eficientes para esses meios.

Assim, uma identidade visual bem consolidada auxilia no posicionamento de soluções digitais e da empresa no geral, oferecendo diversos benefícios como:

  • Diferenciação da marca no mercado;
  • Adaptabilidade a mudanças constantes;
  • Reconhecimento de marca;
  • Consistência na comunicação.

Confira mais detalhes sobre cada um deles a seguir:

Diferenciação da marca no mercado

Uma identidade visual forte e estruturada ajuda uma marca ou produto a se diferenciar em seu nicho de atuação. 

Temos exemplos claros disso com produtos e soluções, como a Netflix e o Nubank, que se destacam por sua maneira de se comunicar e criar conexão com seu público-alvo através de suas cores, tipografia, logo e todos os elementos gráficos que sustentam uma identidade visual forte.

Por exemplo, só de falar no “Roxinho”, você já entende que estamos nos referindo ao Nubank, uma empresa que construiu uma identidade visual marcante e reconhecível em um segmento historicamente muito tradicional, que é o setor bancário. Hoje a fintech e o produto, que são soluções financeiras digitais, se destacam pela modernidade e inovação, praticidade e simplicidade e acessibilidade em um mercado que sempre foi considerado muito fechado ou de difícil acesso.

Isso é o trabalho de uma boa identidade visual e uma comunicação consistente tanto digitalmente, quanto fisicamente.

Adaptabilidade a mudanças constantes

Uma boa identidade visual também contribui para uma maior e mais fácil adaptabilidade de marcas ou produtos em um mercado que muda constantemente.

Os elementos de uma identidade visual ajudam o produto a fazer uma transição rápida frente às mudanças que ocorrem no mundo digital, garantindo a relevância do produto no mercado.

Reconhecimento de marca

Poderíamos citar diversas marcas que só pelas descrições de seus elementos visuais e gráficos seriam facilmente reconhecidas por nós. Esse é o poder de uma identidade visual consolidada. Principalmente no meio digital, onde o excesso de informações acaba diminuindo a relevância de tudo que consumimos, ter uma marca forte, que é facilmente reconhecida, é indispensável.

Consistência na comunicação

A apresentação de um produto ou da marca em si em todos os canais em que estão presentes precisam ser consistentes e confiáveis. 

Um levantamento feito pela Lucidpress revelou que a consistência de uma marca pode aumentar a receita de um negócio em 10-20%. Uma identidade visual contribui para que isso ocorra, reforçando o profissionalismo da empresa com seus clientes e promovendo uma comunicação mais coerente.

Como criar uma identidade visual?

Apesar de envolver diversos elementos tanto gráficos quanto subjetivos da empresa, criar uma identidade visual não precisa ser desafiador. 

A seguir, confira os passos para desenvolver uma identidade visual para um produto ou marca!

Defina as características da marca ou produto

A definição das características do produto ou da marca é indispensável para criar uma identidade visual forte. Esse entendimento será o fundamento para criar os elementos gráficos e de comunicação para que estejam em alinhamento com a personalidade da marca. Aqui é importante pensar em características que remetem à identidade da marca para facilitar a definição e criação dos próximos elementos de uma identidade visual. 

Uma forma de fazer isso é respondendo perguntas como:

  • Qual é o estilo de comunicação/tom de voz que será utilizado?
  • Como a marca/produto se posicionará no mercado?
  • Com quem essa solução ou empresa está falando (público-alvo)?
  • Quem são os principais concorrentes da marca?
  • Como a marca/produto se destaca diante de outras empresas?

Identifique público-alvo/persona

Saber quem é a persona da marca ou do produto também é indispensável nesse processo. Essas informações ajudarão a definir a melhor forma de comunicação, apresentação e diferenciação da marca no mercado e que estratégias adotar para alcançar esse público.

Defina o esquema de cores

A partir das informações levantadas nos passos anteriores, pode-se começar a pensar nos elementos gráficos e visuais da identidade visual. As cores, como mencionamos, são aspectos fundamentais desse processo. Estudos mostram que as cores aumentam o reconhecimento de uma marca em até 80%. Assim, focar nesse passo é crucial para garantir a criação de uma boa identidade visual. 

Uma boa estratégia é usar a psicologia das cores para selecionar uma paleta de cores adequada à mensagem, tom de voz, público-alvo e identidade do produto ou da marca.

Estabeleça a tipografia

Assim como o esquema de cores, a tipografia também influenciará a comunicação e o reconhecimento da marca no mercado. Por isso, é importante escolher fontes e estilos textuais que sejam coerentes com a mensagem da empresa e sua personalidade, tudo isso ajuda a fortalecer a marca.

Crie um logo

O logo é um dos elementos gráficos mais importantes na criação de uma identidade visual. Ele pode reunir todos os elementos anteriores, resumindo-os em uma representação gráfica da marca. Assim, é importante criar um logo marcante, que se distingue de outras soluções do mercado e que representem, com precisão, os valores, mensagem, missão e personalidade da marca ou do produto.

Crie um guia de estilo

Para garantir a aplicabilidade da identidade visual de um produto ou marca em todos os canais presentes, um guia de estilo é uma ferramenta muito útil.

Esses manuais definem de que forma os elementos da identidade visual da marca ou o produto devem ser aplicados em uma estratégia, mantendo a coerência e a consistência na comunicação da empresa.

Os guias de estilo ajudam a criar diretrizes de uso adequados da tipografia, logo, cores, ícones, imagens, ilustrações e todos os componentes da identidade visual.

Conclusão

A identidade visual é um componente essencial para a comunicação de uma empresa ou produto, proporcionando:

  • A diferenciação da solução entre os concorrentes;
  • A consistência e o profissionalismo nas estratégias de comunicação;
  • O reconhecimento e fortalecimento da marca no mercado, 
  • A criação de estratégias coerentes, entre outros benefícios.

Se você tinha dúvidas sobre a importância desse recurso e não sabia como iniciar o processo de construção de uma identidade visual forte e consolidada, agora já sabe como se beneficiar dessa ferramenta e poderá começar diálogos sobre criar uma identidade visual para seu produto ou marca. 

Leia mais: