Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
22 de setembro de 2021

3 tipos de Product Managers: construtores, otimizadores e inovadores

Este artigo é uma tradução livre deste post original publicado pelo blog do Sachin Rekhi. Por ser um conteúdo de altíssimo valor, achamos que seria uma boa ideia traduzi-lo para ajudar a comunidade brasileira de Produto a evoluir. Boa leitura!


O cargo de Product Manager tem se tornado cada vez mais comum no Vale do Silício e em empresas de tecnologia no geral. Agora, é possível observar o surgimento de algumas especializações para o cargo. Apesar desses papéis específicos de Produto raramente terem títulos de cargo ou requisitos formais diferentes, os gerentes mais experientes com certeza estão procurando por PMs com um conjunto específico de habilidades e interesses dependendo do estágio do produto e desafios que estão resolvendo.

Tive a oportunidade de atuar em diferentes papéis dentro da área de Produto, da mesma forma que liderei contratações para os mesmos cargos. Por isso, gostaria de compartilhar minha visão dos 3 níveis de cargos mais altos de Product Management existentes hoje na área, os quais eu defino como: construtores, otimizadores e inovadores.

Construtores

tipos de product manager

Os construtores são os Product Managers que as pessoas considerariam como mais tradicionais. Como os PMs são vistos como aqueles que definem o “o que” para o produto, eles são responsáveis por dar direcionamento ao roadmap para um produto já existente para construir e gerar experiências ainda mais úteis, utilizáveis e agradáveis para satisfazer as necessidades do público alvo. Seus super poderes incluem a real compreensão do segmento alvo de usuários, incluindo os pontos de dor, tendências e o que desperta o interesse deles. Eles sabem como escutar os clientes e gerar insights através dos feedbacks em relação aos problemas que estão tentando resolver, não apenas aceitando pedidos de feature sem pensar.

Eles sabem lidar com os pedidos de features que virão, priorizando-os com parcimônia e criando um roadmap coerente, que otimiza a solução dos problemas certos na hora certa para os usuários. Eles olham para todos os detalhes da experiência do usuário e estão constantemente polindo, refinando e reinventando o que precisar. Eles nunca acreditam que o produto está 100% pronto e que o céu é o limite quando falamos em expandir o escopo de soluções que o produto oferece, resolvendo os problemas dos seus usuários cada vez mais e de uma forma muito melhor.

Eles analisam e levam em consideração escolhas de escopo, qualidade e tempo de cada sprint. Ainda assim, eles estão constantemente refinando processos internos para torná-los mais rápidos e melhorar as execuções de sprints futuras.

Os Product Managers que amam construir produtos, também amam solucionar problemas reais dos seus usuários, encantá-los com novas experiências e criar novos produtos. 

Gerentes de Produto trabalhando na próxima versão do Microsoft Office, Linkedin Profile ou o próximo sistema operacional do Google Android são ótimos exemplos de Product Managers construtores que dominam a área de Produto.

Otimizadores

tipos de product manager

O exemplo mais comum de otimizadores são os Product Managers de Growth, que cresceram bastante nos times B2B atuais. Ainda assim, eu prefiro dizer que eles são “otimizadores”, porque o escopo deles vai muito além de apenas growth. Eles têm um grande foco em North Star Metrics específicas e são empoderados para fazer tudo o que puderem para mover este ponteiro positivamente. Isso geralmente toma forma em métricas de aquisição (por exemplo: métrica de cadastros), métricas de engajamento (por exemplo: métrica de retenção de usuários) ou monetização (por exemplo: métricas de usuários pagantes)

Estes gerentes de Produto são “ninjas” das análises. Eles sabem tudo o que há para saber sobre executar testes A/B e passam grande parte do tempo melhorando a velocidade desses testes, melhorando a infraestrutura ou melhorando as capacidades analíticas. Eles são incríveis em gerar novas ideias para potenciais testes para depois aplicá-los no pipeline o mais rápido possível. Eles desenvolvem uma forte intuição para quais hipóteses funcionam e quais não funcionam, baseando-se nas centenas de testes que eles já executaram. Assim eles conseguem priorizar uma lista gigante de possíveis ideias.

Eles buscam grandes ideias e melhores práticas, mas sabem que nenhuma “ideia genial” é melhor do que rodar um teste simples no produto e ver o que se aplica na prática com os usuários reais.

Otimizadores amam fazer as métricas melhorarem. Eles esperam ansiosamente pelos resultados dos testes para ver quais hipóteses deram certo. Eles amam ver o impacto que isso tem no sucesso da empresa de forma direta.

Exemplos de PMs que são otimizadores incluem: o time de “aquisição de motoristas” do Uber, o time de “otimização de assinaturas pagas“ do Linkedin, o time de “otimização de feed” do Facebook e o time de “relevância dos resultados de pesquisa” do Google.

Inovadores

tipos de product manager

Os inovadores são os Product Managers que tem o papel mais desafiador de todos: achar o Product Market Fit para um produto novo. Eles procuram sempre a verdade e praticam uma abordagem baseada em hipóteses para validá-la e melhorá-la em todas as dimensões da sua estratégia de produto – seja ela baseada em público-alvo, resolução de problemas, proposta de valor, diferenciação do produto, estratégia de go to market, monetização entre outras. Eles estão sempre melhorando a fidelidade do MVP, apresentando-o para potenciais usuários e buscando maior variedade das técnicas de validação com usuários. Assim, rapidamente eles conseguem solucionar o “porquê” e “para quem”, tanto a partir de dados qualitativos quanto das informações vindas de testes beta.

Inovadores estão constantemente priorizando os esforços do time baseando-se na avaliação dos aspectos mais arriscados da estratégia de produto, criando as soluções certas para validar e iterar, até que a resposta certa apareça. Ao mesmo tempo, eles estão sempre cuidadosamente decidindo quando continuar e quando pivotar uma solução para tentar algo novo. Eles possuem uma combinação de intuição de produto, convicção pessoal e validação com usuários para dar direcionamento contínuo ao time de produto para as melhores decisões possíveis. Eles também acreditam que falhas acontecem, porque a inovação não é fácil e nem sempre dá certo de primeira. 

Inovadores amam estar na ponta da criação de novas soluções para o mercado, aquelas que o mundo nunca viu antes. Eles amam ir do 0 a 1, do quadro vazio ao produto sendo lançado, e não esperar para ver o que o futuro traz, mas sim criar o próprio futuro.

Alguns exemplos de cargos de gerentes de Produto inovadores são: o time inicial da AWS da Amazon, o time inicial do iWatch da Apple, o time inicial do Airbnb, e várias outras histórias de sucesso (e insucesso) de startups. Este também é o cargo que eu estou atualmente na Notejoy.

Algumas considerações:

Todos esses tipos de Product Managers existem nas grandes empresas de tecnologia, enquanto em startups menores, o tipo de PM que eles exigem pode variar de acordo com o estágio do ciclo de vida do produto. O que também acontece é: todos os PMs, em sua rotina, pegam um pouco de todas as atividades apresentadas, mas com níveis diferentes de foco em cada uma delas.

Eu encorajo os gerentes de produto em estágio inicial de carreira a procurar desafios nos 3 campos que eu menciono neste texto. Assim, eles têm experiências valiosas para melhorar o seu produto, e também aprender mais sobre si mesmos, sobre suas paixões e sobre suas habilidades. Não tem “melhor” ou “pior” entre esses 3 tipos de PM, é só uma questão de alinhar seus interesses e capacidades em um cargo ideal.

Apenas um aviso para quem quer ser um “inovador”: eu sugiro ter experiências como “construtor” primeiro, antes de ir para “inovador”. É muito mais difícil atingir o sucesso como inovador sem ter os conhecimentos básicos das competências em Produto, tornando muito mais complicado começar no cargo de inovador. É preferível atingir o sucesso como um construtor primeiro – para alcançar uma reputação pessoal de respeito como PM – do que começar como inovador e falhar em iniciativas comuns do cargo.

Espero que este texto demonstre um pouco das especificidades dos diversos tipos de Product Managers, que evoluíram como especializações da área e estão aparecendo cada vez mais nas empresas hoje em dia.

Domine Product Management!

Reunimos os melhores especialistas em produto do Brasil para compartilhar um conhecimento linear com cases reais do nosso mercado. Desta forma, você receberá uma formação no contexto do mercado em que atuamos, aprendendo com cases de quem realmente faz acontecer hoje em produto no no país.

Aproveite e confira já a ementa completa do curso e veja como ele se encaixa no seu momento atual de carreira!

Curso de Product Management
Mais conteúdos para te ajudar a ser um(a) PM melhor:

Autoria de:

Você também pode gostar de ler

Diferença entre Product Managers B2B e B2C

Este artigo é uma tradução livre deste post original publicado pelo blog da Pendo.io. Por ser um conteúdo de altíssimo valor, achamos que seria uma boa ideia traduzi-lo para