Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
26 de janeiro de 2021

Uma Product Manager com background em Biblioteconomia: PM3 Stories

Continuando a série de entrevistas com os nossos alumni, convidamos o Camila Meneghetti, que tem um background em Biblioteconomia, e hoje atua como Product Manager na Delivery Much.

Aprender com as experiências das outras pessoas é uma das formas de se inspirar e buscar alternativas para uma transição de carreira, como é o caso de muitos profissionais de Produtos digitais, as suas experiências no passado acabam por moldar quem você é hoje ou será amanhã. Vamos a isso!

Breve histórico sobre você

Cresci no interior de Santa Catarina e só tive acesso à internet aos 15 anos. Passei grande parte da adolescência lendo muito e sonhando em ter uma conta no Orkut. Hoje é até engraçado pensar que tínhamos limitação na quantidade de fotos e os visitantes recentes (alô, LinkedIn! rs). Como cresci dentro da biblioteca do meu colégio, meu sonho era ser bibliotecária e escrever livros. Me formei em Biblioteconomia, fiz pós em Marketing e me especializei em Inteligência Competitiva. Trabalhei 7 anos nessa área até cogitar a mudança… até que me encontrei na área de Produtos como Product Manager. Obs: ainda em débito com os livros que preciso escrever. 

Como foi seu processo seletivo para produto? Alguma dica para quem está começando?

Acredito que é muito fácil falar para as pessoas se arriscarem nos processos seletivos, mas dependendo das vivências e do ambiente social que possuem, esse processo pode ser muito desafiador. Então considero que a 1º dica é: você não precisa preencher todos os requisitos da vaga. 

Já montei descrições de vagas, selecionei pessoas, participei de inúmeros processos e sei que é quase impossível corresponder a todas as expectativas. Geralmente, se busca um match ideal (comportamental + técnico) e em muitos casos, mesmo preenchendo, pode ser que a vaga não seja sua.

Então minha 2º dica é: nunca se desmereça por não passar em um processo seletivo. Sempre analise o que você gostou ou não da experiência, mas nenhuma vaga ou pessoa pode diminuir o seu valor pessoal e profissional. 

3º dica: antes de iniciar as aplicações nas vagas da área de produto, busque ter o mínimo de capacitação. Entender o que se espera de um Product Manager, quais são as metodologias utilizadas, o dia a dia desse profissional. No início me senti um pouco perdida com a quantidade de informações disponíveis e foi nos eventos de tecnologia, meetups do Mulheres de Produto, o curso de Product Management (PM3), que comecei a encontrar as respostas que procurava. 

4º dica: tente migrar de área na empresa que você já trabalha. No meu caso, esse foi o caminho mais fácil. Comecei a comunicar para todos na organização o meu interesse na área de Produto e assim que a necessidade surgiu, a oportunidade de assumir o cargo foi minha. Com essa primeira experiência me senti mais confiante em buscar novas oportunidades como Product Manager em outros locais.

5º dica: se prepare minimamente para a entrevista. Hoje já existem diversos conteúdos que expõem como se preparar para uma vaga de Product Manager, com perguntas mais comuns, o que se espera desse momento, etc. Então pesquise sobre a empresa: como os profissionais que estão lá se comportam no Linkedin? A empresa possui algum blog que conta a rotina dos profissionais? E sempre tente listar as suas conquistas, projetos que participou, produtos que impactou. Se você possuir números que comprovem a sua fala, apresente eles na entrevista. E, o mais especial, pessoas de produto estão interessadas nos produtos que falharam, nas pesquisas que não deram certo, porque o objetivo é avaliar as lições aprendidas que você tirou desses momentos. 

Qual você acha um mindset ideal para trabalhar na área de Produto?

Acredito que é importante o profissional entender que a carreira de produto não está limitada a empresa que trabalha como Product Manager. Vai ser muito difícil experienciar tudo que você tem interesse em único local. Muitos aprendizados podem ficar comprometidos se optar por colocar todas as fichas no seu ambiente de trabalho. Como assim, Camila? Eu aprendo muito quando:

  • Compartilho conhecimento em eventos, posts no medium e em redes sociais;
  • Participo de grupos de discussões com outros profissionais;
  • Mentoro e sou mentorada.

Como a PM3 ajudou na sua trajetória profissional?

Quando resolvi pesquisar cursos de product manager, a PM3 foi um sonho de consumo. Foi a primeira vez que encontrei um curso completo na área de produtos. Consegui aplicar diversas metodologias e me senti mais empoderada para participar de discussões na área e tomar decisões no ambiente de trabalho, porque entendia que tinha um respaldo técnico por trás. 

Alguns livros e conteúdos que indica.

Costumo consumir muito conteúdo via e-mail, assino newsletter de diversos produtores de conteúdo de produto: Blog da PM3, Product Camp, Bernard de Luna, The Brief, Mulheres de Produto, Marty Cagan, Somos Tera, Teresa Torres, Melissa Perri, Paulo Caroli e Product Hunt. 

Gostaria de indicar livros que vão além da área de produto e foram considerados futuristas quando pensamos em tendências comportamentais. Dois autores que vale a pena ler: Isaac Asimov e George Orwell.

Quer sair na frente e arrasar nas entrevistas de Produto? 

Em parceria com o podcast Papo de Produto, desenvolvemos o e-book “20 perguntas e respostas em entrevistas para Product Managers”, onde você vai aprimorar a sua expertise e conseguir se preparar melhor para a sua próxima entrevista para cargos na área de Produto, além de ter uma ideia do que grandes líderes esperam dos seus entrevistados e entrevistadas.

Material perfeito para quem está buscando mudar de empregou ou migrar para a área de Produto. Baixe o material e esteja mais preparado(a) do que nunca! 

perguntas em entrevistas para product manager

Temos certeza que com ele você vai chegar mais bem preparado em sua próxima entrevista para Product Manager.

Mais conteúdos para te ajudar a ser um(a) PM melhor:

Autoria de:

Você também pode gostar de ler